Crescimento infantil

Promocionado

O esporte e as crianças

Os benefícios do esporte infantil para a saúde física e mental das crianças. Se você criar o hábito em seu filho na prática de esportes desde a primeira infância, pode ser que economize problemas quando a criança entrar na fase da adolescência. O esporte ajuda as crianças a desenvolver-se física e mentalmente, a viverem saudáveis, e a relacionar-se de uma forma sadia com outras crianças. Estar em forma é estar são.

Promocionado

A intimidade das crianças

Entre os 11 e 13 anos nossos filhos vão começar a reclamar por maior intimidade, vão preferir tomar banho e se vestir sozinhos e encontrar espaços onde escutar suas músicas, ler ou deitar para pensar. Saiba como ajudar seu filho a desenvolver autonomia e respeitar seus espaços.

Promocionado

A criança de 3 anos

O bebê de três anos, que agora é uma criança, demonstra interesse e entusiasmo para tocar instrumentos como o pandeiro, o tambor, o acordeão, entre outros. A criança gosta de música e de fazer barulho porque chama a atenção e a sua agilidade é tremenda.

Promocionado

Quando as crianças comem mal

Diz-se que uma criança come mal quando ingere pouca quantidade de alimentos e de pouca variedade, e as causas de que uma criança coma mal pode estar relacionada com o fato de não terem bons hábitos alimentares familiares. Além disso, estes transtornos alimentares podem comprometer o crescimento das crianças e diminuir o seu sistema imunológico.

Promocionado

As crianças crescem quando têm febre?

Pode parecer uma crença popular ou um dito da vovó que as crianças crescem quando estão doentes, mas longe de ser um mito, os pediatras dão razão aos nossos idosos: as crianças crescem quando têm febre e quando dormem. Está comprovado que acontecem ‘estirões’ de forma repentina relacionados com períodos de doenças ou inclusive com períodos em que a criança aumenta as horas de sono.

Promocionado

Dói para a criança crescer?

Crescer dói, ainda que alguns médicos defendam que não dói crescer, mas que essa dor se deve a um excesso de atividade física. Mas, a dor de crescimento é diferente de outras dores de ossos e articulações. Anote as dicas para descartar qualquer outro problema que não tenha a ver com o crescimento dos seus filhos.

Promocionado

Sintomas de carência afetiva em crianças

A carência afetiva é uma situação de falta de cuidados, de proteção, de atenção e de apego que sofre ou tenha sofrido uma criança por parte da sua mãe ou familiares durante os primeiros anos de vida. Essa carência afetiva pode ser devido à multidão de circunstâncias como o abandono, o maltrato ou a outras situações familiares menos traumáticas, mas que deixam a criança negligenciada no plano afetivo e relacional.