Engravidar

Promocionado

Terceiro mês de gravidez

Desenvolvimento do bebê no terceiro mês de gravidez. Passadas as 8 primeiras semanas da gravidez, o bebê não se chama embrião. Chama-se feto. Os dedos das mãos e dos pés agora têm unas suaves. A boca apresenta vinte “botõezinhos” que futuramente  se converterão nos dentes de leite. Pela primeira vez a mãe poderá ouvir as batidas do coração do seu bebê (10 a 12 semanas). Durante o resto da gravidez, todos os órgãos do corpo amadurecerão e o feto aumentará de peso. Para o final desse mês, o feto mede aproximadamente 10 cm e pesa 20 g.

Promocionado

Quarto mês de gravidez

O que acontece com o bebê e a mulher no quarto mês de gravidez. Desenvolvimento da gravidez no quarto mês de gravidez. Nesta etapa da gravidez o feto se move, chuta, engole, e pode ouvir as vozes do exterior. A pele é rosada e transparente. O cordão umbilical continua crescendo e ampliando-se para levar suficiente alimento da mãe ao feto.

Promocionado

Quinto mês de gravidez

Desenvolvimento do bebê no quinto mês de gravidez. A futura mamãe repara entusiasmada que o feto começa a estar mais ativo, movendo-se de um lado a outro, e que às vezes gira totalmente. As unhas e os dedos cresceram até a ponta dos mesmos. O feto dorme e acorda em intervalos regulares.

Promocionado

Nono mês de gravidez

Desenvolvimento do bebê no nono mês de gravidez. Nas 38 ou 40 semanas, o desenvolvimento do bebê, por fim!, chegou ao fim. Os pulmões do bebê estão maduros e prontos para funcionar por sua conta. Durante esse mês, o bebê aumenta cerca de 250 g por semana.

Promocionado

Conselhos para ficar grávida

Dicas para engravidar e ter uma gravidez sadia. Nem sempre uma gravidez é fácil. Muitas mulheres, por mais que se empenhem em ficar grávida, não conseguem. Algumas chegam a se desesperar enquanto outras recorrem aos tratamentos de fertilidade ou experimentam alguns métodos e remédios caseiros.

Promocionado

Barriga de Aluguel

Crime da barriga de aluguel cresce no Brasil. Barriga de aluguel é um recurso proibido, que só permite o empréstimo do útero se não houver negociação em dinheiro e se as mulheres tiverem parentesco em primeiro ou segundo grau, como avó, mãe, irmã, por exemplo. Qualquer caso que não esteja dentro dessa classe de pessoas, precisa ser aprovado pelo Conselho Regional de Medicina, que será feito em cada Estado.

Promocionado

O primeiro controle pré-natal

O nervosismo que você enfrentou diante do teste de gravidez, agora deu lugar à felicidade mais completa. Você está grávida, e agora? Enquanto você se recompõe da notícia, e assuma que em breve vai ser mamãe, tem que começar a cuidar da sua gravidez.