Prevenção de acidentes com bebês de 0 a 2 anos de idade

Como evitar que ocorram acidentes com o seu bebê

Vilma Medina

Vilma Medina

Até os sete ou oito meses, a capacidade dos bebês é bastante limitada: movem as mãos, pernas e tentam esticar os braços para pegar coisas. A partir dessa idade, gostam de tocar tudo e suas habilidades melhoram dia-a-dia. Seu afã por conhecer o mundo que as rodeia lhes levará a meter na boca tudo o que encontrem ao seu alcance.

Evitar acidentes com bebês de 0 a 2 anos

Como evitar acidentes de bebês 

A partir dos 7 ou 8 meses, as crianças estão em contínuo movimento, começando a engatinhar e andar pela casa. Sua enorme curiosidade as levará a converter-se em pequenas exploradoras. Logo seu mundo se amplia e vêem a casa como um grande pátio de recreio cheio de diversões. Nesse período de desenvolvimento, a segurança do pequeno depende principalmente dos pais, ainda que não devem superprotegê-los.
 
Elimine na medida do possível os riscos e perigos. Dose sua atenção em função do seu desenvolvimento e habilidades. Às vezes para afastá-los de uma fonte de risco atrativa a eles, a única maneira é oferecer-lhes algo que os distraiam. Veja esses conselhos para evitar acidentes com o seu bebê:

- Antes de colocar a criança na banheira, controlar a temperatura da água com um termômetro, ainda que se pode comprovar com o cotovelo ou a mão. Dever ter uma temperatura agradável e moderada.

- É conveniente comprovar a temperatura da mamadeira depositando umas gotas no dorso da mão.

- Na hora de trocá-lo, tenha cuidado, tenha tudo o necessário à mão e não abandone ao bebê, pois poderá cair.

- Quando estiver deitado, deve permanecer com a boca para baixo ou de lado com uma almofada atrás. Mantenha sempre esta postura depois das comidas.

- Evite colocar neles roupas com laços, alfinetes ou botões na parte detrás, nem correntes largas para sustentar a chupeta.

- O berço deve cumprir uma série de características: as grades não devem ter uma separação maior que 8 cm, de forma que caiba a cabeça da criança, e não utilizar almofadas.

- Até os três anos, as crianças têm uma tendência natural a levar tudo o vêem à boca. Tenha cuidado de que os objetos pequenos do tipo botões, bolas de gude, amendoins, etc, não estejam ao seu alcance.

- As tomadas, frestas e buracos chamam muito a atenção. Ponha protetores ou esparadrapo em cada tomada e comprove que não poderão retirá-los.
 
- Tenha cuidado com as bolsas de plástico, papel, etc..., chamam muito a atenção das crianças. E se as colocam pela cabeça pode causar asfixia.

- Quando estiverem utilizando aparelhos elétricos (batedeira, espremedor, ferro...) tenha cuidado para que não caia; as crianças gostam de puxar as cordas. Quando terminar de usar os aparelhos elétricos retirem-nos das tomadas e coloquem em lugar longe do alcance das crianças.

- Mantenha todos aqueles produtos tóxicos (colônias, água sanitária, cremes) e objetos cortantes (lâminas de barbear, cortador de unhas, giletes) longe de seu alcance.

- Se a criança estiver na cozinha, é necessário que não se aproxime da fonte de calor e sobretudo que os cabos das panelas e frigideiras não estejam para fora.

- No inverno é aconselhável que utilize radiadores ou placas elétricas. Tenha cuidado que seu filho ou filha, não se acerque dos braseiros e dos aquecedores elétricos ou a gás. Se possui lareira proteja com grades. 

 

Os acidentes com crianças

Os acidentes com crianças

Como os pais podem evitar os acidentes infantis. Os acidentes infantis se converteram numa importante fonte de preocupação, pois tiveram um importante aumento. As estatísticas oferecem alguns números estarrecedores. Durante os últimos anos, as crianças sofreram milhares de acidentes, alguns deles com consequências mortais. A situação não mostra sinais de melhoras, e o mais doloroso de tudo isso é que a maioria desses percalços poderiam ter sido perfeitamente evitados.

Prevenção de acidentes com crianças de 3 a 5 anos

Prevenção de acidentes com crianças de 3 a 5 anos

Conselhos para prevenir acidentes com crianças de 3 a 5 anos. É em casa onde mais acontecem acidentes com as crianças. As medidas de segurança devem ser mantidas, os cuidados em casa devem ser intensificados.

Como evitar acidentes com bebês e crianças

Como evitar acidentes com bebês e crianças

Para uma criança pequena, o descuido dos adultos são como uma arma carregada. Queimaduras, cortes, quedas, asfixias, ingestão de produtos tóxicos ou medicamentos, descargas elétricas, atropelamentos, podem e devem ser evitados, se os pais e responsáveis atuarem corretamente. Impeça que os jogos se transformem em um jogo mortal. Evite os acidentes infantis.

Segurança no carro dos bebês e das crianças

Segurança no carro dos bebês e das crianças

Como sentar as crianças no carro para que estejam melhor protegidas. Os pediatras alertam que duas de cada três crianças viajam em veículos sem cumprir as normas de segurança. Centenas de crianças perderam a vida em acidentes de trânsito nos últimos anos. Está claro que levar as crianças em cadeirinhas de segurança nos veículos é crucial para salvar suas vidas. Os números demonstram isso. As estatísticas mostram que milhares de crianças seriam salvas de acidentes se os pais cumprissem as normas de segurança para elas.

6 comentarios

  • aline

    2012-01-13 03:43:39

    minha bebe tem 3mes e ja sento ela

  • Marta Ferreira

    2011-07-07 05:07:06

    Meu filho já tem 03 anos e continua lambendo tudo e levando tudo à boca, estou preocupada será que tenho que levá-lo ao pediatra ? Será que é verme?

  • maria eduarda

    2011-04-21 01:45:18

    deus do seu que pena que sou pequena so que tenho08 anos me castique

  • bruna

    2010-10-18 08:32:52

    gostei muito das prevenções de vcs chama atenção das mães inesperientes

  • jessica

    2010-01-18 20:50:38

    meu bebe tem 7 meses e toda hora ela cai e bate a cabeça o que faço?

  • carolina

    2009-06-18 20:40:33

    :-*8);D>:(

Ad