O que dizer às crianças quando perguntam sobre a morte

No dia 2 de novembro se celebra o día de mortos, uma ocasião ideal para falar sobre o que representa a morte aos nossos filhos

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Ainda que saibamos que a morte, assim como a vida, ocorra a todo instante, não podemos falar deste tema dessa forma muito menos com as crianças. Preferimos, obviamente, falar da vida e do importante que é saber vivê-la e desfrutá-la. Mesmo porque é difícil explicar e falar com as crianças de algo, como a morte, que não conhecemos.

Como falar da morte com as crianças - ¿Por que morremos?

falar da morte com crianças

No entanto, existem circunstâncias como a morte de algum familiar, de alguém próximo, ou de celebrações como o Dia de Finados, que às vezes nos obrigam a isso. E a gente se pergunta: Como fazê-lo?

A primeira vez que minha filha me perguntou sobre a morte foi quando sua tartaruga, em certa manhã, apareceu morta no aquário. Ela se deu conta de que sua pequena mascote não se movia e me perguntou o que estava acontecendo com ela.

Surpreendida, eu disse à minha filha que provavelmente a tartaruga estava doente e que enquanto ela estivesse na escolinha eu a levaria ao veterinário. Eu já sabia que a tartaruga estava morta, mas o que eu não queria era ter que explicar para a minha pequena o que era a morte.

Quando ela chegou a casa e não viu a sua tartaruguinha ela me perguntou o que tinha acontecido. Eu disse a ela que sua tartaruga tinha partido para sempre. Que tinha uma doença que não pôde com ela e acabou morrendo. Não sei explicar como foi a sua reação.

Não acredito que ela tenha sentido dor pela morte da sua tartaruga. Simplesmente me disse que já não queria mais tartarugas, que agora gostaria de ter um cachorrinho. Será que ela tinha pensado que a tartaruga tinha ido embora por vontade própria? Minha filha tinha apenas 5 aninhos.

A morte é um tema que, de maneira geral, a gente não gosta de falar com os filhos, especialmente quando são ainda bem pequeninos. Mentiras do tipo 'ele foi para o céu' ou 'ele foi para uma viagem muito longa', muitas vezes confunde a criança, ao invés de fazê-la entender realmente de que se tratasse da morte.

o-que-dizer-para-as-crianças-morte A

A morte é um fim e ponto, não algo temporal nem reversível. Pelo menos é isso que sabemos. Afinal é muito difícil explicar o que não sabemos nem conhecemos. Os mortos não falam nem contam nada sobre a morte. Podemos e devemos falar com as crianças sobre tudo.

Para os temas tão delicados como a morte, acredito que deveríamos estar sempre abertos à comunicação com nossos filhos, escutá-los, compreendê-los e respeitar os seus sentimentos. Quanto mais sinceros sejamos com eles, maior capacidade de entendimento eles terão.

É importante também que usemos de uma linguagem muito tranquila e simples e que seja apropriada à idade de cada criança, ainda que nem sempre as palavras consigam dizer tudo. A forma e a atitude com que a gente deve abordar o tema dirão muito mais para as crianças. E não ficarão dúvidas.

Outros porquês curiosos das crianças

Os porquês das crianças sobre os peixes Os porquês das crianças sobre os peixes. As crianças são como esponjas. Durante o seu desenvolvimento elas tentam absorver a maior quantidade de informação possível para dispor de um conhecimento suficientemente extenso no futuro, daí que não param de questionar tudo, bombardeando de porquês aos seus pais e familiares mais próximos. Aprenda algumas respostas aos questionamentos sobre os peixes.

Como responder aos porquês das crianças Como responder aos porquês das crianças. É muito comum que as crianças, a partir dos 3 anos de idade, comecem a fazer todo tipo de perguntas, algumas muito difíceis de responder. Às vezes, os seus porquês nos deixam sem respiração, e em outras ocasiões a gente fica num aperto tremendo, como se nos tivessem colocado contra a parede. Qual é a melhor maneira de responder às perguntas das crianças e satisfazer assim a sua curiosidade?

Porque sim e porque não, não é uma resposta para as crianças Porque sim e porque não, não é uma resposta para as crianças. Os por ques das crianças. Algumas crianças se contentam apenas com um ‘sim’ ou ‘não’ diante de uma pergunta, mas outras querem mais, saber o porquê ou uma explicação. Em qual grupo o seu filho está incluído?

Porquês das crianças sobre corpo humano Porquês das crianças sobre corpo humano. As crianças, sobretudo a partir dos três anos, começam a fazer um montão de perguntas sobre todo tipo de assuntos. Às vezes, essas perguntas nos deixam com a boca aberta e nos sentimos incapazes de solucioná-las. A gente trouxe algumas respostas para você dar ao seu filho.

Puedes leer más artículos similares a O que dizer às crianças quando perguntam sobre a morte, en la categoría de Comunicação en Guiainfantil.com Brasil.

Publicado:
Actualizado:

//loadScript('https://www.google-analytics.com/analytics.js', false); } function loadInterstitial(){ googletag.cmd.push(function() { googletag.display(googletag.enums.OutOfPageFormat.INTERSTITIAL); googletag.pubads().refresh([interstitialSlot]); }); }