Quando uma mulher está preparada para ser mãe

A responsabilidade e o compromisso que implica ser mãe

Vilma Medina

Vilma Medina

O desejo de ser mãe, chega a quase todas as mulheres, mas a decisão depende muito da realidade e dos valores de cada uma delas. A decisão de ser mãe não deve tranformar-se em uma obssessão nem tão pouco em uma circunstância sem consequências. O ter um filho é uma responsabilidade e um compromisso, uma decisão que deve ser meditada com tranquilidade, confiança e sinceridade.

O que é necessário para ser mãe

Como saber se você está preparada para ser mãe

Esta é uma questão que circula pela cabeça de muitas mulheres em algum momento de suas vidas. O desejo de ser mãe, de ter e cuidar dos filhos, chega a quase todas as mulheres, mas a decisão depende muito da realidade e dos valores de cada uma delas. Algumas não duvidam, têm isso muito claro; outras desejam, mas sentem-se inseguras, não preparadas; e outras, ainda que desejem tanto quanto as demais, não encontra ou não dispõe de espaço em sua vida para ter um filho. Em todo caso, a decisão de ser mãe não deve transformar-se numa obssessão, nem tão pouco em uma circunstância sem consequências. Ter um filho é uma responsabilidade e um compromisso, uma decisão que deve ser meditada com tranquilidade, confiança e sinceridade.

Para ser mãe, não se requer título nem experiência. Tão pouco é uma escolha que chega com um manual de instrução. Ninguém nasce preparado para ser uma mãe. No entanto, as mulheres que estão tentando ser mães podem contar com muita informação sobre saúde, educação, gravidez e parto, seja na televisão, na rádio, ou através da internet. Inclusive já existem algumas escolas para pais.

A experiência de cada mulher, de cada mãe, é única, pessoal e incomparável. Uma mãe com ou sem marido, biológica ou adotiva, será sempre uma mãe, sem diferenças. A discrepância residirá na forma de como recebe cada filho, como o educa e cuida. No entanto, existem alguns fatores que devem ser considerados pelas mulheres que estão desejando ser mães:

- É aconselhável que você tenha um parceiro com quem vai compartilhar da gravidez, a educação e dos cuidados do bebê.

- É importante para um bebê ter uma mamãe e um papai. Uma mãe solteira pode perfeitamente encarregar-se de um bebê, mas se puder ter cumplicidade e o companheirismo de um marido, melhor.

- É importante estar muito bem informada sobre os custos que supõe em ter um bebê. É recomendável que tenha economias para que possa fazer frente aos gastos que se disparam principalmente nos últimos meses da gravidez, e durante a preparação para a chegada do bebê. É necessário planejar economicamente a gravidez.

- A saúde é o mais importante quando se decide ser mãe. Além de uma boa alimentação conciliada com uma vida saudável, te ajudará a ficar grávida com mais facilidade, e também que tenha uma gravidez e um parto mais saudável.

- É aconselhável não conceber um bebê, se a mãe estiver vivendo um momento de tensão provocado por alguma doença, ou uma separação, ou uma crise no trabalho. Algumas mulheres pensam que uma gravidez pode solucionar alguns problemas, no entanto estão equivocadas. Só seria um problema a mais. Os estados de tensão podem repercutir negativamente no seu estado de ânimo, podendo levá-lo a estados de ansiedade e depressão.

- É necessário uma mentalização sobretudo o que possa enfrentar durante a gravidez. É necessário estar preparada e utilizar desse desejo para evitar doenças próprias da gravidez não a desanime nem a faça estar se queixando a todo momento. A gravidez NÃO é uma doença.

- Busque manter pensamentos positivos quanto à gravidez. Afaste-se das idéias preconcebidas e das queixas tão obssessivas. Equilibre as emoções e centre-se em cada momento de uma forma positiva.

- Ouvir a experiência de outras mães, das avós, por exemplo, é muito recomendável. No entanto, recorde que cada família é diferente e nem sempre se deve seguir os mesmos conselhos. O melhor é deixar-se orientar por si mesma ou pelo obstetra.

- Quando uma mulher está convencida de que quer ser mãe, nem sempre consegue na primeira tentativa. Neste caso, não deve deixar que a insegurança invada sua vida. Tenha paciência. Tudo chega quando tem que chegar. Não se desespere nunca.

- É importante que fique claro quanto a ficar grávida, sempre acompanhada de um profissional. Fertilidade, idade, riscos, alimentação, saúde, etc. Não rejeite nenhuma explicação. Assim se sentirá mais segura. Se desejar ter um filho, não acumule dúvidas.

Tipos de pais e a comunicação com os filhos

Tipos de pais e a comunicação com os filhos

Conhecendo o perfil de cada pai e mãe. Em função das palavras que dirigimos às crianças, podemos comunicar uma atitude de cumplicidade, ou pelo contrário, de ignorância e desatenção.

Conselhos para ficar grávida

Conselhos para ficar grávida

Dicas para engravidar e ter uma gravidez sadia. Nem sempre uma gravidez é fácil. Muitas mulheres, por mais que se empenhem em ficar grávida, não conseguem. Algumas chegam a se desesperar enquanto outras recorrem aos tratamentos de fertilidade ou experimentam alguns métodos e remédios caseiros.

Como é difícil conciliar o papel de mãe com o trabalho

Como é difícil conciliar o papel de mãe com o trabalho

O dia 1º de maio é comemorado o Dia do trabalho a poucos dias do Dia da mãe. São dias que merecem uma reflexão sobre a grande dificuldade de ser mãe e exercer um trabalho profissional que seja compatível com as obrigações maternais.

As 10 melhores frases das mães para os seus filhos

As 10 melhores frases das mães para os seus filhos

O mundo muda, a tecnologia avança, a ciência se supera dia a dia, mas as frases das mães continuam sendo as mesmas ano após ano e persistem de geração em geração. São frases ditas por mães do mundo todo.

13 comentarios

  • aline

    2013-05-20 22:03:28

    queria muito ser mae mas meu marido nao quer.preciso de um conselho ai gente por favor.

  • graciela

    2012-12-12 08:53:33

    Meu ciclo mestrual varia entre 26, 27 e 28 dias. Sera que posso considerar meu ciclo regular? e como achar meu periodo feril? por favor ajudem-me é que eu quero muito engravidar

  • Raquel

    2012-11-20 16:29:55

    Estou casada a 5 anos, nesse ano começou a florescer em mim uma vontade enorme de ser mãe algumas amigas me disseram que agente sente guando é a nossa agora de engravida, mas ao mesmo tempo que eu quero eu sinto um pouco de receio, medo de não dar conta sei-la, falei com o meu marido arres-peito mas não senti muito entusiasmo nele , eu disse que quero engravidar no ano que vem, gostaria de uma dica de como lidar com essa sensação

  • milena da silva soares

    2012-05-24 13:46:50

    muito bom

  • tatah

    2011-07-25 18:04:47

    sera que estou preparada? eu sempre quis ser mãe,sempre tive esta vontade estou casada a 1 ano e 4 meses ,mas meu marido acha que não é a hora,mas eu quero muito ser mãe. o que faço?

  • clara

    2011-02-17 05:08:46

    nunca tive relações com meu namorado mais já passamos por algumas situações mais quentes, estou atrasada a quase uma semana, será que estou gravida?

  • Ana Claudia

    2010-07-28 06:55:12

    Estou casada hà 1 ano e logo no começo do meu casamento meu marido queria um filho,mas eu não estava me sentindo preparada,e ele se entristeceu com o fato de não querer dar lhe um filho,mas atè hoje ele insiti,mas o que eu quero no momento è me instabilizar primeiro e depois tudo bem aì sim acho que è o momento certo.

  • Ana Claudia

    2010-07-28 06:55:11

    Estou casada hà 1 ano e logo no começo do meu casamento meu marido queria um filho,mas eu não estava me sentindo preparada,e ele se entristeceu com o fato de não querer dar lhe um filho,mas atè hoje ele insiti,mas o que eu quero no momento è me instabilizar primeiro e depois tudo bem aì sim acho que è o momento certo.

  • angel

    2010-07-26 17:36:41

    Anny, não se desespere, o nervoso e a ansiedade atrapalham quem quer engravidar... se você não tem nenhum problema, mais cedo ou mais tarde, a gravidez virá.

  • anny

    2010-06-08 14:36:33

    parei de tomar remedio dia 12/11/09 ja se passaram 7 meses e até agora nada fui ao medico e não tenho nenhum problema.cheguei ir até numa cartomante e nas cartas sempre confirma gravidez cchegou marcar que eu estava gravida mas ai no dia seguinte veio a minha mestruaçao o meu marido e eu queremos tanto o que podemos fazer por favor me de uma opinião um conselho disculpem o meu desabafo

  • Tawany

    2010-04-13 08:33:10

    minha mestruação veio no dia 24/03 estou com enjoou e me sentindo mal fiz o teste caseiro de ferver a urina e formou a nata (deu positivo)e na calculadora pra saber se estou gravida deu que estou de 2 semanas será que estou?? Faz apenas 2 meses que estou namorando,mais o meu sonho e do meu namorado é de sermos papais gostaria muito de ser mãe agora passei por uma esperiência muito ruim anteriormente,estava com o casamento marcado e meu noivo faleceu dois dias antes do meu casamento...com isso fikei muito frustada e me sinto muito sozinha mesmo tendo todos familiares ao meu lado e meu amorzão novo tbm... Desculpem o desabafo! Unica forma que tenho pra desabafar... Beijoooos;)

  • jamilly

    2009-12-18 16:30:13

    A saúde é o mais importante quando se decide ser mãe. Além de uma boa alimentação conciliada com uma vida saudável, te ajudará a ficar grávida com mais facilidade, e também que tenha uma gravidez e um parto mais saudável. ;D>:(>:(>:(>:(:'(:);):D:D;D;D:(:o

  • Pollyanna

    2009-08-20 17:33:16

    Fiz um teste de gravidez dia 03/7, e fiquei menstruada dia 04/07, ela foi embora no dia 07/07, veio pouco, clara e rala. Ela teria que vir agora pelo dia 04/08 e ainda não veio, desde o dia 07/08 venho passando muito mal, as vezes nem tanto. Fiz um teste de farmácia dia 10/08 e deu negativo, fiz a tarde e não com o primeiro xixi. Será que eu to grávida? Não tomo meu remédio desde de maio. Me ajudem por favor....