Alimentos saudáveis para os dentes das crianças

Dieta saudável para evitar cáries e infecções nos dentes

Vilma Medina

Vilma Medina

Existe uma frase popular muito correta que diz: ‘somos o que comemos’. Esse ditado também poderia ser aplicado à saúde dos nossos dentes. Existem alimentos cariogênicos, ou seja, que favorecem a formação das cáries nos dentes das crianças. Substituir os alimentos cariogênicos por outros menos ricos em amido e açucares refinados pode ajudar-nos a combater a cárie e o acúmulo de placa. Que alimentos são os ideais para cuidar da dentição das crianças?

Alimentos que protegem a saúde dos dentes das crianças

Alimentos que protegem os dentes das crianças

Os alimentos que podem nos ajudar a combater as cáries nas crianças: 

- Frutas e verduras ricas em fibra: os alimentos que contêm fibra aumenta a salivação, que é uma defesa natural contra as cáries devido sua ação mecânica de limpeza dos restos de comida e sua ação química de neutralização dos ácidos que atacam os dentes. As frutas e verduras frescas, como a pera, a cenoura, a maçã e o aipo, não só ajudam a estimular o fluxo de saliva, mas também ajudam a remover a placa bacteriana dos dentes e refrescar o hálito. 

- Legumes e hortaliças como o feijão, são ricos em fósforo, que juntamente com o cálcio, constitui a estrutura dos dentes e ossos. 

- Queijo, leite, iogurte natural e outros produtos derivados do leite. O cálcio, os fosfatos e a vitamina D do queijo, do leite e outros produtos lácteos são minerais importantes para a saúde dos dentes. Sobretudo no momento da formação dos dentes é importante que a dieta da criança contenha a quantidade suficiente de cálcio. 

- Chicletes sem açúcar. Mastigar chicletes sem açúcar depois das refeições provoca um aumento da produção da saliva. Além disso, existem estudos sobre a ação do xilitol na inibição do desenvolvimento do Streptococcus mutans, que causa a cárie. De qualquer modo, algumas crianças devem ter cuidado com o consumo exagerado de edulcorantes artificiais e consultar um pediatra previamente. 

- Água com flúor. A água potável com flúor, ou qualquer produto que tenha água com flúor, ajuda aos dentes. A água engarrafada pode não conter tanto flúor como a água de torneira, assim que, se essa for a sua principal fonte de água, assegure-se de utilizar a pasta de dente com flúor e consulte o seu dentista sobre o suprimento de flúor para as crianças. O flúor também está presente, em menor quantidade, em outros alimentos de origem vegetal como tomates, batatas, feijões, lentilhas, cerejas, sardinhas ou cavala. 

Uma dieta saudável é um fator muito importante tanto para a saúde geral da criança como dos seus dentes, além disso, é fundamental para evitar a formação e o desenvolvimento das cáries, promover uma higiene bucal correta desde a infância. Sobretudo, se a tendência a cáries é alta ou o consumo de alimentos cariogênicos é elevado. 

Sara Hawkins
Dentista

Higiene e limpeza dos dentes das crianças

Higiene e limpeza dos dentes das crianças

Como limpar os dentes das crianças. Os hábitos para o cuidado da dentição, começam a desenvolver-se quando o bebê tem quatro meses, ou seja, quando está deixando o leite materno e começa a tomar algumas papinhas e outras comidas.

Quando caem os dentes de leite do bebê

Quando caem os dentes de leite do bebê

Quando os dentes de leite são substituídos pelos dentes definitivos. A queda dos primeiros dentes não escolhe dia nem hora. Mas é normal que isso ocorra a partir do quinto aniversário da criança.

A que se deve o mau hálito nas crianças

A que se deve o mau hálito nas crianças

O mau hálito infantil é sempre um indicador de que algo não vai bem. Pode estar relacionado com alguma doença ou problema dental, no sistema respiratório ou no estômago. Geralmente o mau hálito se deve à falta de higiene bucal da criança, mas pode haver outros fatores.

Minha menina tem um dente escuro, por quê?

Minha menina tem um dente escuro, por quê?

Minha menina estava brincando com outras crianças e bateu a boca contra a cabeça de uma delas. A gente deu uma revisada e não parecia ser nada, mas dois dias depois começamos a perceber que o seu dente estava escurecendo. Após uma consulta, a dentista recomendou esperar para que o dente caísse de maneira natural e que regressássemos para uma nova revisão, uma vez que o dente afetado era de leite.

0 comentarios