Crianças asmáticas. Asma infantil

A asma é a doença mais comum na infância

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A asma e as crianças. A asma é uma doença crônica, na maioria das vezes de origem alérgica familiar, que não tem cura e que, por tanto, deve ser acompanhada pelo médico ao longo da vida do paciente, mesmo nos períodos em que não haja crises agudas da doença.

É uma doença que ocorre mais na infância e que afeta quase a 300 milhões de pessoas em todo o mundo. Só no Brasil, cerca de 3 mil pessoas morrem por ano por causa da asma.

O que é a asma

Asma infantil. Criança com asma

A asma é uma doença que se caracteriza por uma dificuldade respiratória, um problema que afeta os pulmões da criança deixando-a criança ansiosa e pálida, com tosse e dificuldade respiratória. A asma se caracteriza pela intensidade da tosse, cujo esforço respiratório acaba obstruindo os músculos respiratórios. Por isso se observa o afundamento do esterno e dos espaços intercostais, obstrução nasal e movimentos dos músculos do pescoço, assim como peito apertado, falta de ar, e chiado ao respirar.

A asma poderá afetar os pulmões da criança para o resto da vida. Há ocasiões em que a criança se sentirá melhor, enquanto que noutras se sentirá pior devido à asma.

Causas da asma infantil

A crise asmática pode ser desencadeada pelo alérgeno que produz a enfermidade; também a favorecem os conflitos psíquicos.

Para realizar um diagnóstico e controle adequados da asma infantil é necessário considerar:

- Se existem antecedentes familiares da criança quanto à asma;
 
- A que  alérgenos (ácaros da poeira, pólen, mofo pela humidade) está exposta a criança;
 
- A frequência e gravidade dos sintomas;

- Outras infecções respiratórias que podem apresentar os mesmos sintomas.

As etapas da asma infantil

Durante um ataque de asma, dá-se um estreitamento dos músculos que envolvem as vias respiratórias. Estas apertam, dificultando a respiração da criança. 

São três os problemas que estreitam as suas vias respiratórias:

1- As paredes interiores das vias respiratórias engrossam e incham. Esta situação chama-se inflamação.

2- Os músculos em redor das vias respiratórias apertam. Esta situação chama-se bronco-espasmo ou bronca-constrição.

3- As vias respiratórias produzem muito líquido transparente e espesso chamado muco, o qual, quando é mais espesso do que o normal, poderá obstruir as vias respiratórias.

Sinais de asma numa criança

Os problemas asmáticos poderão começar lentamente ao longo de horas ou dias. Chamam-se primeiros sinais de aviso às pequenas mudanças que acontecem no corpo da criança quando ela começa a ter problemas asmáticos. Coisas que os pais poderão ver ou ouvir na criança asmática:

  • Tosse que não desaparece
  • Tossir persistente até vomitar
  • Tosse persistente à noite
  • Chiado no peito e Espirros incontroláveis
  • Dificuldade respiratória
  • Cansaço logo após o início dos jogos ou do exercício físico
  • Respiração mais rápida do que o normal
  • Mau humor, rabugice, má disposição
  • Sinais de constipação
  • Coisas que a criança poderá dizer: “Estou cansado”, “Dói-me o peito”, “É difícil respirar”. “Há um ruído engraçado (chiado) quando respiro”.

Fatores que podem provocar a asma infantil

Os fatores desencadeadores contribuem para piorar a asma infantil. Cada criança que sofre de asma é importunada por diferentes fatores. Junto do médico do seu filho, os pais deverão procurar saber quais os fatores que importunam a criança e qual a maneira desta se afastar deles. Os fatores desencadeadores mais freqüentes são:

  • infecções, como a constipação e a gripe
  • fumo de cigarro ou de tabaco
  • fumo de madeira e óleo
  • coisas que causam reações alérgicas
  • animais de estimação
  • poluição atmosférica
  • condições meteorológicas úmidas
  • tempo frio
  • medicamentos, com o ASA (Aspirina) ou o ibuprofeno
  • odores ou atomizadores com cheiros intensos
  • exercício físico intenso