Piolhos ou Pediculose

O que fazer quando a criança tem piolhos ou lêndias

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

É cada vez mais frequente, principalmente em épocas de mais calor, o aparecimento de pediculose em crianças de idade escolar. Vem sendo observado um aumento nesse sentido, sobretudo nos colégios. Os piolhos constituem um problema sanitário que independe de classe social.

O piolho chega à cabeça e se agarra a um cabelo, onde se alimenta chupando o sangue do couro cabeludo. As fêmeas colocam ovos (lêndias), que se agarram ao cabelo como uma cola. A lêndia tem tem forma ovalada de cor branca que se distingue da caspa porque está agarrada e grudada no cabelo. Desses ovos saem o piolho que logo estará adulto e começará a pinicar e a colocar mais ovos.

Como evitar os piolhos nas crianças

Piolhos nas crianças

Os piolhos passam de uma cabeça para outra de uma maneira muito fácil. Por isso, é necessário tomar algumas precauções quanto à higiene:

- Lavar os cabelos com frequência.

- Pentear e escovar os cabelos diariamente.

- Revisar frequentemente a cabeça das crianças, principalmente atrás das orelhas e na nuca.

- Limpar pentes e escovas com frequência.

- Não compartilhar utensílios como pentes, bonés, elásticos de cabelo, grampos, etc.

O que fazer no caso da criança ter piolhos?

Se notar a presença de piolhos na cabeça das crianças, deverá fazer o seguinte:

- Molhar o cabelo todo e couro cabeludo com uma loção antiparasitária, preferivelmente à base de piretrinas, que encontrarão nas farmácias. Não lavar o cabelo antes de aplicar essa loção. Tão pouco deve-se tapar a cabeça com toalhas, porque absorvem o produto. Pode-se cobrir a cabeça com uma touca plástica. Se tratarão com shampoo ou loção pediculicida somente aquelas pessoas que estejam infestadas. A utilização indiscriminada desses produtos nas crianças não é recomendável.

- Passadas de 2 a 4 horas, lavar o cabelo com shampoo normal ou pediculicida.

- Enxaguar com água e vinagre (uma parte de vinagre e duas de água), para favorecer a eliminação das lêndias.

- Não secar com secador.

- Uma vez enxaguado o cabelo, tirar as lêndias com a mão cou com pente bem fino.

- Os pentes e todo tipo de adornos de cabelo, devem ser submersos uma hora em loção pediculicida. As roupas, bem como as toalhas, etc., devem ser lavadas com água quente.

- Todas as pessoas que convivem com a criança parasitada, deverão ser revisadas, e se for o caso, tratá-las da mesma forma.

- Nos dias em que se estiver realizando o tratamento, após detectar a presença de piolhos e lêndias, não ir à escola, para evitar infestação nas outras crianças.