Infecção urinária na gravidez

Sintomas e prevenção da infecção urinária em gestantes

Vilma Medina

Vilma Medina

Dentro do termo infecção de urina é possível englobar diferentes infecções em qualquer trecho do trato urinário: pode afetar os rins, aos ureteres, ou inclusive a bexiga. 

A infecção acontece quando uma bactéria penetra pela pele, vagina, ou ânus até a uretra e se deslocam para cima, podendo a infecção chegar à bexiga, os ureteres ou os rins. 

Por que as grávidas são mais propensas à infecção de urina

infecção-urinária-na-gravidez A

Um dos incômodos mais comuns durante a gravidez são as infecções de urina. Ocorrem mudanças que fazem com que a mulher grávida seja mais propensa a ter infecções de urina, já que as bactérias têm mais tempo para crescer. As mudanças são as seguintes:

Durante a gravidez, o alto nível de progesterona relaxa o tônus muscular dos ureteres (tubos que comunicam os rins com a bexiga), e isso fazem com que se dilatem, e por isso o fluxo da urina é mais lento. Além disso, quando o útero cresce, pode chegar a comprimir os ureteres dificultando a passagem da urina. 

A bexiga perde o seu tônus muscular durante a gestação e fica mais difícil esvaziá-la por completo. 

Sintomas da infecção de urina em gestantes

Os sintomas da infecção de urina mais comuns são:

- Dor e ardor durante a micção.

- Desconforto suprapúbico. 

- Necessidade frequente de urinar, inclusive quando existe pouca urina na bexiga.

- Urina turva. 

- Febre, mal estar geral, cansaço ou vômitos são sintomas de pielonefrite, ou seja, a infecção chegou aos rins. E é mais grave

Como prevenir a infecção de urina na gestação

Para prevenir e tratar as infecções urinárias durante a gravidez, a gente pode tomar alguns cuidados simples no nosso dia a dia: 

- Beber muita água.

- Realizar a higiene da área genital da vagina para evitar a contaminação por bactérias fecais. 

- Esvaziar a bexiga depois de manter relações sexuais.

- Evitar os produtos de higiene femininas potencialmente irritantes, ou lavar excessivamente a área genital com géis ou com sabões que pode eliminar nossa flora natural.

- Comer alimentos ricos em vitamina C para acidificar a urina. O arando vermelho americano tem demonstrado, em diferentes estudos, capacidade para prevenir e para o tratamento da cistite

Sara Cañamero de León

Matrona

Tipos de hipertensão na gravidez

Tipos de hipertensão na gravidez

Os problemas podem aparecer antes da gravidez ou serem desencadeadas durante a gestação. Aproximadamente, 8% das gestantes sofrem de hipertensão durante a gravidez. No entanto, agora já é possível tratar esse problema com controles e cuidados pré-natais adequados.

O estresse da gestante chega até ao seu bebê

O estresse da gestante chega até ao seu bebê

O documentário “Educação emocional desde o útero materno”, feito pelo escritor científico Eduardo Punset, se baseia na seguinte questão: Somos conscientes de que o estresse da mãe chega até o seu bebê?

O iodo na gravidez influencia no coeficiente intelectual do bebê

O iodo na gravidez influencia no coeficiente intelectual do bebê

Durante a gravidez é comum que os ginecologistas receitem à futura mamãe um suplemento de iodo, já que é conhecido que a falta desse mineral pode causar lesões cerebrais no bebê e doenças na tireoide da gestante.

Primeira gravidez. Conselhos para mães de primeira viagem

Primeira gravidez. Conselhos para mães de primeira viagem

A gravidez é um momento único na vida de uma mulher. Trata-se de um período cheio de mudanças, novidades e fantasias, mas também de medos e inseguranças. São tantas coisas novas que rodeiam o dia a dia da grávida que as dúvidas surgem constantemente.

As doenças raras na gravidez

As doenças raras na gravidez

Muitos dos afetados por doenças raras podem não ser capazes de levar uma vida normal, mas o que acontece quando uma mulher sofre de uma doença rara e fica grávida ou deseja engravidar?

0 comentarios