Óculos de sol para crianças e bebês. Sim ou não?

Os inconvenientes de usar óculos de sol na infância

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Muitos pais se perguntam se os seus filhos devem usar óculos de sol. Os especialistas em oftalmologia não estão de acordo. Alguns deles acham que são recomendáveis e outros que não são necessários. O que é certo, é que os últimos estudos nos dizem que é importante proteger o sistema de visão dos bebês, e cuidar dos seus olhos desde muito pequenos de uma maneira equilibrada, ou seja, somente utilizar óculos de sol para exposições muito intensas ao sol.

Os bebês devem usar óculos de sol?

óculos-de-sol-para-crianças-sim-ou-não A

Não é necessário que os bebês ou as crianças saiam com óculos de sol na rua em qualquer circunstância, mas é recomendável que utilizem os óculos para exposições muito intensas ao sol, como podem ser nos momentos que passam na praia ou até mesmo na neve.

Mas, na vida cotidiana, no caso dos bebês ou de crianças pequenas, não é necessário. A razão para isso tem sua base médica, uma vez que é muito importante que entre luz nos olhos das crianças para que essas células da retina do fundo do olho vão se desenvolvendo e se acostumem de forma paulatina à luz solar.

Se isso não acontece e a criança começa a utilizar óculos solares desde a primeira infância para qualquer tipo de exposição solar, seja intensa ou leve, poderia gerar uma fotofobia em etapas posteriores. A fotofobia consiste na rejeição à luz solar. Trata-se de uma intolerância anormal à luz, própria em pessoas com albinismo ou alguma doença na visão.

Em conclusão: os óculos solares para crianças e bebês somente devem ser utilizados para exposições extensas ao sol, mas nunca para vida cotidiana.

Teresa Molina Martín

Oftalmologista