Dermatite infantil

Causas, sintomas e tratamento para a dermatite em bebês

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Dermatite das fraldas, atópica ou seborréica. Assaduras ou eczemas em bebês. É a irritação na pele causada pelo contato com a urina e fezes retidas pelas fraldas e plásticos. Pode surgir infecção secundária causada por cândida ou bactérias. É possível que algumas bactérias tenham uma ação sobre a urina, decompondo a uréia e aumentando a ação irritativa.

Causas da Dermatite infantil

Dermatite no bebê

Pelo contato prolongado com a urina e as fezes do bebê, ou pacientes adultos com incontinência urinária e fecal. A urina possui uréia que se transforma em amônia, substância que provoca irritação. A pele molhada também pode causar fricção contra a fralda e permitir o crescimento de bactérias. Este tipo de dermatite ocorre tanto com o uso de fraldas de pano ou descartáveis.

Tratamento da Dermatite das fraldas ou Assaduras ou Eczemas

Deve-se consultar o médico em caso de infecção. O tratamento é baseado na higiene da área da fralda. Friccionar a pele no momento da limpeza e o uso de lenços umedecidos devem ser evitados para não alterar a composição normal da pele, levando ao início das assaduras. As trocas das fraldas devem ser freqüentes. Em caso de fraldas de pano, o sabão em pó e amaciantes devem ser evitados na lavagem, é preferível o sabão neutro (glicerina ou coco).

Deixar o bebê o máximo possível de tempo sem fraldas e expor a região ao sol também são indicados. No caso de processo inflamatório intenso, pode ser usado corticóide tópico. Se há infecção por cândida, é utilizado antimicótico tópico. A pomada também tem um papel importante, pois simula a função natural da pele ao formar uma barreira protetora contra os agentes irritantes e microorganismos.

O leite materno tem anticorpos que podem defender os nenês amamentados contra a infecção. Manter a pele limpa e seca, especialmente nas dobras e sulcos; trocar freqüentemente as fraldas; usar sabonetes suaves e deixar a pele do bebê exposta ao ar fresco sempre que possível são algumas maneiras de prevenir a dermatite de fraldas.

Dermatite seborréica ou eczema seborréico em bebês

Uma inflamação da pele que afeta sobretudo o couro cabeludo, mas pode estender-se ao rosto, nariz, sobrancelhas e pálpebras. É uma erupção vermelha, ardente e escamosa.

Causas da Dermatite seborréica

Deve-se a uma hiperatividade das glândulas sebáceas.

Tratamento da Dermatite seborréica

Em casa, pode-se tirar as crostas com azeite de amêndoas e um champú adequado e indicado pelo pediatra. Se o caso é grave, o pediatra receitará um creme esteróide. Evitar que a criança se arranhe limpando bem a área afetada e não mantê-la em contato com sabões e detergentes.

Dermatite atópica ou eczema atópico

Uma inflamação da pele que aparece entre os dois e os dezoito meses de idade. A pele aparece vermelha, escamosa e seca. É mais ardente que a dermatite seborréica. E este é o sintoma mais irritante, já que provoca coceiras e insônia, muitas vezes. A dermatite atópica se estende pelo pescoço, joelhos, cotovelos, lugares onde se observa mais sudoração.

Causas da Dermatite atópica ou eczema atópico

É uma inflamação causada por uma tendência hereditária, além de outros fatores como a alergia, a infecção, ou inclusive psicológico. Mas não existe nada de concreto quanto às causas. Deve-se fazer um estudo médico.

Tratamento a Dermatite atópica ou eczema atópico

Para aliviar a coceira, o médico prescreverá um creme antiinflamatório.
Em alguns casos, poderá ser necessário tomar antibióticos. Em casa, o que se pode fazer é diminuir o contato com a água, deixar de usar sabões, e secar bem e com cuidado a área afetada. Cuide para que a roupa da criança seja 100% de algodão.