A árvore de Natal. Conto de Natal

Com o conto A árvore de Natal as crianças aprendem valores

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Os contos de Natal podem ser usados como bons recursos para ensinar valores às crianças. Contar contos no Natal deve ter a finalidade ensinar o verdadeiro significado das festas natalinas para as crianças. É uma maneira simples e mágica de mostrar as crianças a importância de saber dividir, de saber doar aos menos favorecidos e que isso sempre terá um retorno positivo.

Letra do conto A árvore de Natal

O conto de Natal: Árvore de Natal

Era uma vez, há muito tempo, pequeno povoado situado em uma ilha. Nesse povoado vivia uma família muito pobre. Quando o Natal estava se aproximando, eles não sabiam como o celebraria porque não tinham dinheiro.

Então o pai da família começou a se perguntar como poderia ganhar dinheiro para passar a noite de Natal dividindo um delicioso peru ao forno com sua família, desfrutando da festa junto ao fogo.

Decidiu que ganharia dinheiro vendendo árvores de Natal. Assim, no dia seguinte se levantou bem cedo e subiu à montanha para cortar alguns pinhos.

Subiu a montanha, cortou cinco pinhos e os carregou em sua carroça para vendê-los no mercado. Quando só faltavam dois dias para o Natal, não tinha vendido nenhum dos pinhos.

Finalmente, decidiu que já que não vendia nada, que presentearia as árvores de Natal para as pessoas mais pobres que a sua família. As pessoas se mostraram muito agradecidas pelo presente.

Na noite de Natal, quando voltou à sua casa, o homem teve uma grande surpresa. Em cima da mesa havia um peru e ao lado uma pequena árvore de natal.

Sua esposa lhe disse que alguém muito bondoso tinha deixado isso em sua porta.

Naquela noite, soube que esse presente tinha sido concedido pela boa obra que ele havia feito, presenteando aqueles pinhos que havia cortado na montanha.

FIM

Conto enviado por Irene M. Avalos, da Bolivia.