Jogos que ajudam a controlar a enurese

Ajude o seu filho controlar a enurese através de jogos

Vilma Medina

Vilma Medina

Quando, a partir dos cinco anos de idade, a criança ainda não controla as micções é aconselhável que os pais busquem, preferencialmente, uma orientação médica para descobrir as causas e ter um adequado tratamento para educar os esfíncteres do pequeno. Quando os pais ainda não vêem como necessária uma intervenção médica, poderão começar em casa a colocar em prática uma série de simples exercícios para estimular a criança, de forma cômoda e divertida, a controlar o xixi. É possível conseguir bons resultados. 

Exercícios para controlar o xixi

jogos-ajudam-controlar-enurese A 

Exercício 1 – “Vamos ver o quanto você é capaz de aguentar” 

Objetivo: Aumentar a capacidade funcional da bexiga. 

Como se faz? Faremos com que a criança ingira uma grande quantidade de líquido durante o dia, como água, sucos, etc. Quando ela tiver vontade de ir ao banheiro, a gente vai animá-la para que se contenha. No início, bastarão alguns poucos segundos, para ir aumentando de forma gradual e progressiva. Podemos ajudar a criança falando com ela para que ela se distraia, ou planejar como um desafio. Quanto mais tempo a criança conseguir segurar a gente deve mostrar alegria e apoio, diante de qualquer mínimo progresso, pois ela se sentirá amparada. 

Exercício 2 – “Cortar o jato de urina” 

Objetivo: Fortalecer os músculos implicados na micção. 

Como se faz? Trata-se de cortar o fluxo enquanto o pequeno está urinando. Começaremos o jogo quando ele estiver terminando de urinar, porque a pressão da bexiga é menor. Progressivamente, iremos adiantando o momento até que a criança seja capaz de cortar o jato quase ao iniciar, durante 5 segundos, e durante duas vezes mais antes de esvaziar a bexiga por completo. 

Exercício 3 – “Trocar a roupa molhada” 

Objetivo: Adquirir responsabilidade e autonomia na solução do problema. 

Como se faz? A criança tem que tirar o pijama e a roupa interior úmida, trocar por uma limpa e trocar os lençóis por outros secos, e levar toda a roupa molhada para o cesto de roupa suja. Esse exercício serve para que a criança se conscientize da enurese e assuma que é um problema que tem que superar. 

Exercício 4 – “Despertar-se para fazer xixi” 

Objetivo: Tornar em algo automático o levantar-se pela noite quando tive vontade. 

Como se faz? Deve-se propor ao pequeno que deite na cama com a luz apagada, simulando que está dormindo, e que se levante e se dirija ao banheiro fingindo que vai fazer xixi. Se a criança fizer isso umas 4 vezes antes de dormir no primeiro dia, ela conseguirá se despertar à noite sempre que tiver vontade, e que se dê conta de que a cama está molhada para correr para o banheiro para terminar de fazer xixi. 

 

Ainda que seja recomendável que a criança se acostume a ir ao banheiro, podemos introduzir, para o controle da incontinência, o penico, que logicamente terá que ficar no banheiro. A gente deve comprar um penico com uma forma divertida, por exemplo, de animais e com cores, para que a criança se sinta atraída para fazer xixi no penico. Quando estiver sentada, a gente pode contar algum conto divertido ou animá-la para que ela mesma invente um. 

A chave desses exercícios é propor à criança um jogo divertido, como uma meta, e não como uma obrigação. Faremos com que a criança se interesse e se estimule a fazê-lo. Se a criança conseguir, ela mesma verá os resultados, pois quando se levantar toda manhã da sua caminha, ela estará seca e isso vai gerar nela uma grande satisfação. E não podemos nos esquecer de lembrá-la que se tudo isso está acontecendo é por causa do seu esforço e trabalho que vem realizando, para que a criança se dê conta de que tudo não aconteceu por um milagre, mas devido a um esforço e constância. 

Comportamento infantil

Comportamento infantil

Como devem atuar os pais segundo o temperamento das crianças. É difícil saber exatamente o que é o comportamento infantil “normal”, ou temperamento “anormal”. Igualmente aos adultos, existe uma grande variedade do que se considera conduta “normal” nos bebês. Os bebês têm necessidades, demandas e comportamentos que podem ser muito diferentes uns dos outros.

Problemas de auto-estima nas crianças

Problemas de auto-estima nas crianças

Como detectar problemas de auto-estima em uma criança? Como saber se meu filho tem problemas de auto-estima nos filhos? Como detectar comportamentos que sejam mostras de baixa auto-estima nos meninos y nas meninas. Sinais e sintomas de baixa autoestima nas crianças.

Crianças teimosas. Teimosia infantil

Crianças teimosas. Teimosia infantil

Meninos y meninas teimosas. Teimosia infantil. Como lidar com a teimosa das crianças. Meninos e meninas teimosas. Qual é a melhor maneira de fazer com que o seu filho não seja teimoso.

A criança tímida. Timidez infantil

A criança tímida. Timidez infantil

A timidez se caracteriza pela dificuldade nas relações interpessoais e uma tendência acentuada de fuga do contato social com outras pessoas. As crianças sofrem quando não conseguem se relacionar e não conseguem externar para os pais o que está sentindo.

A importância dos hábitos e das rotinas para as crianças e os bebês

A importância dos hábitos e das rotinas para as crianças e os bebês

A rotina estabelece horários, mas além dos hábitos repetitivos, ajudam a construir um equilíbrio emocional que lhes proporciona um mecanismo importantíssimo para a educação e para a construção da personalidade da criança.

0 comentarios