O que fazer quando as crianças se descobrem durante a noite?

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Os pais e os filhos têm uma batalha noturna tão silenciosa e constante: a criança se descobre e a gente a cobre novamente. Ela volta a se descobrir e temos que cobri-la mais uma vez e isso noite após noite.

Essa ‘guerra’ diária se torna angustiante, sobretudo para mães friorentas como eu que se agonia ao pensar que a criança possa estar gelada sobre a cama em épocas de frio. A questão é que façamos o que fizer a criança continua se descobrindo e termina dormindo sobre os lençóis. O que podemos fazer? Existem algumas dicas que podem nos ajudar. 

Por que as crianças se descobrem durante a noite?

o-que-fazer-quando-as-crianças-se-descobrem A 

Primeiro é importante saber por que as crianças tendem a se descobrir. Isso pode ser devido a muitas causas: 

- Os pais, às vezes são muito exagerados e vestem a criança em excesso. Pijamas pesados, mantas, edredons. Não sei como a criança não pega uma desidratação com tanta coberta. Diante do calor que sentem as crianças se mexem na sua cama e tiram as cobertas simplesmente porque estão sentindo calor. 

- Existem crianças muito ativas que se movimentam muito durante a noite. Se a gente pudesse gravá-las com uma câmera a veríamos constantemente em movimento. Diante desse esforço noturno não é difícil que acabem descobertas. 

O que fazer para que as crianças não se descubram? 

- A primeira solução é não abrigá-la demasiadamente. Se a criança sua ela terá que se movimentar para sair no meio de tanta coberta. Além disso, os pais devem levar em conta que durante a primeira fase do sono existem crianças que suam muito. É importante evitar que esse suor se torne frio. Podemos deixá-la sobre a cama sem cobri-la e quando tenham passado a fase de suor, no caso em que sofram, os pais devem agasalhá-la somente com a roupa necessária. 

- Para crianças muito ativas a solução está em não cobri-las se já sabemos que ela vai se descobrir. Portanto, o que podemos fazer é nos assegurarmos que ela já esteja usando roupa suficiente para poder passar toda a noite sobre os lençóis sem passar frio. Se for necessário colocar nela uma camiseta interior para o frio, pijama pesado e meias de lãs, nós o faremos. 

- Para o bebê a gente tem o truque do saco de dormir, daí a criança não terá escapatória. Em todo o caso, é necessário seguir as recomendações do fabricante e nunca colocar nada sobre o saco nem colocar muita roupa na criança. Também existem sacos especiais para crianças maiores, que deixam os pés de fora para que possam se movimentar com mais facilidade e assim ficarem mais cômodas. 

- Colocar edredons ou cobertas maiores para poder colocar uma parte embaixo do colchão. Eu recorro ao truque de colocar o edredom no sentido contrário para que caia mais para os lados e com esse peso lateral eu consigo que fiquem mais ‘presos’. 

- Também existem outros produtos no mercado como presilhas que prendem os lençóis que ficam como sacos de dormir. 

Alba Caraballo

Editora de GuiaInfantil.com