Massagem musical na água para grávidas

Música embaixo d’água para relaxar durante a gravidez

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Imagine você mesma flutuando numa piscina, com o corpo submergido até as orelhas numa água morna enquanto ouve suas músicas favoritas. Assim é a nova Massagem Musical Subaquática para Gestantes, uma experiência sensorial muito gratificante, que predispõe o corpo ao descanso e que poderia ser comparado ao estado de pré-sono, que aparece ao chegar à cama.

No entanto essa experiência sensorial vai muito mais longe, já que estabelece uma conexão com a vida pré-natal, pois durante os nove meses de gestação vivemos num universo subaquático sonoro: o líquido amniótico. A dimensão subjetiva da música se propaga dentro do nosso corpo em forma de massagem, porque as formas vibratórias do sinal sonoro se deslocam utilizando os líquidos intercelulares. Essa massagem favorece um relaxamento corporal, que alcança também a mente graças ao efeito de diversão que a escuta musical produz.

Massagem musical aquática: bem-estar para a mamãe e bebê 

O potencial terapêutico da música na massagem subaquática se consegue graças a um alto-falante capaz de reproduzir músicas embaixo d’água sem deformações, escolhidas pela gestante que está imersa na água. O relaxamento e a liberação de tensões começam a se desenvolver mediante a massagem interior que a música exerce e que se desloca através dos líquidos intercelulares. Precisamente, um dos objetivos da massagem musical subaquática é proporcionar bem estar. A música nos ajuda a regular as tensões internas e tem um efeito calmante e ansiolítico sobre nosso humor, e a massagem libera a agressividade e o cansaço acumulado.

Objetivos da massagem pré-natal aquática para grávidas 

Durante a gravidez, o feto se desenvolve num ambiente cheio de sons que vão desde a voz da mãe até as batidas do seu coração. O principal objetivo da massagem musical subaquática pré-natal é buscar um estado de harmonia entre a mamãe e o bebê. Enquanto o bebê descansa dentro do saco amniótico, rodeado de água, a mãe o fará dento de uma piscina com 33ºC de temperatura, onde ressonarão as vibrações musicais escolhidas, ao mesmo tempo em que o farão também no interior do corpo da mãe, e no líquido amniótico, onde o bebê está.  A diversidade de melodias permite mover o diafragma para o útero, criando ritmo e equilíbrio. Essa harmonia desenvolve uma série de mudanças benéficas tanto para a mamãe como para o bebê. Dentre esses benefícios está a tomada de consciência e aceitação das alterações corporais, do desenvolvimento físico e emocional do bebê e a construção de um vínculo sadio com seu filho. 

Música e cor na sua gravidez 

Com o treinamento maternal na água, a gestante consegue desenvolver uma maior capacidade de autocontrole, que lhe permite viver uma gravidez saudável e um parto mais tranquilo. Noemi Suriol, diretora do Método Lenoarmi, de Barcelona, reconhece que “como complemento, a grávida pode relaxar melhor se conseguir se deixar levar pela água, flutuando com a ajuda de elementos externos como a música e a visualização de cores. Por esse motivo, recentemente, foram incluídas na massagem musical na água, a cromoterapia para conseguir uma experiência global. A ideia foi substituir a ação das bolhas de ar e das correntes de água sobre o corpo humano que a banheira de hidromassagem produz, pela música e ainda enriquecer a experiência sensorial com cromoterapia”. 

Benefícios da imersão na água para a grávida 

O meio aquático é ideal para entrar em contato com o seu bebê. Na água, a gestante pode se relaxar melhor e realizar movimentos sem sentir o peso do seu corpo. Devido ao ambiente aquático, a futura mamãe se sente mais leve, seus movimentos mais fáceis e sem impactos a nível articular. Desse modo é mais fácil conseguir uma boa tonificação muscular, queimando calorias e promovendo resistência ao mesmo tempo. O treinamento na água consegue harmonizar o movimento e o estado físico da mãe com as necessidades do bebê. Dentre seus principais benefícios se destacam: 

1. Previne e elimina as pernas cansadas.

2. Melhora os problemas de circulação.

3. Aliviam as dores nas costas, especialmente os incômodos lombares. 

4. Reequilibra o corpo e melhora a postura.

5. Melhora o fornecimento de oxigênio para o bebê.

6. Tonifica a musculatura.

7. Relaxa o sistema nervoso.

8. Estabelece um vínculo afetivo com o bebê antes de nascer.

Marisol Nuevo