Dúvidas sobre as tatuagens na gravidez e no parto

Respostas sobre as tatuagens para as gestantes e após dar a luz

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

São muitas as mulheres que decidem fazer uma tatuagem ao longo da sua vida. Um desenho, uma frase ou uma lembrança podem ficar para sempre na pele graças à tinta. No entanto, no momento de planejar a formação de uma família, os medos afloram quando se conta com um desenho permanente sobre a derme. 

Será que poderei receber a peridural? Poderá afetar o bebê de algum modo? O desenho ficará disforme após o parto se eu o tenho numa região sensível? A gente encontrou a resposta às dúvidas mais comuns sobre tatuagens e gravidez. 

Dúvidas e respostas sobre tatuagens na gravidez e no pós-parto

dúvidas-sobre-as-tatuagens-na-gravidez A 

- Eu posso tomar a peridural se tiver uma tatuagem? 

Muitas mamães tatuadas que têm um desenho gravado à tinta na parte baixa das costas se perguntam se será compatível este adorno estético com a peridural no parto. Ainda que por muitos anos se pensasse que não era possível solicitar a peridural se a mãe tivesse na região lombar uma tatuagem, realmente não existem provas suficientes de que seja impossível. A evidência ginecológica deixa claro que é possível receber a injeção da peridural porque chega até dois milímetros dentro da pele, algo que não englobam todas as tatuagens, por isso em quase todos os casos se encontraria um ponto chave para aplicá-la se a gestante a requeira. 

- Eu posso me tatuar estando grávida? 

Muitas futuras mamães se perguntam se é recomendável ou não fazer uma tatuagem quando já estão esperando um bebê. Ainda que não deva ser nocivo se a tatuagem for feita num local onde as agulhas estiverem totalmente desinfetadas e não houver problema de contrair nenhum tipo de problema higiênico, recomenda-se esperar que a criança nasça para fazer uma tatuagem para evitar riscos desnecessários. 

- A tatuagem mudará depois de dar a luz? 

As tatuagens nas costas, na região lombar ou no próprio abdômen preocupam as futuras mamães, já que a evidente distensão abdominal poderia se ver afetada. Nem todas as tatuagens têm que se ‘estragar’, mas é certo que com o lógico crescimento da barriga, uma tatuagem justamente nessa região poderia se ver ligeiramente maior ou estirada. No entanto, se a recuperação pós-parto for bem trabalhada e, sobretudo se contava com uma boa forma física antes de engravidar, esse desenho não deveria mudar.  

- Ter uma tatuagem afeta ao bebê?  

Uma tatuagem na pele não afeta de nenhum modo ao bebê. A tinta na pele não é nociva para a derme, mas é claro que deve ter um cuidado especial com a pele durante toda a gravidez. As alterações hormonais são tão marcantes que é conveniente hidratar em profundidade todos os dias todas as regiões do corpo com cremes específicos para essa fase da vida. Também é importante o fato de proteger a derme da radiação do sol ou comer o mais saudável possível e beber muito líquido para mantê-la na melhor forma possível. Desse modo, a pele em geral e as tatuagens permanecerão como estavam antes da gravidez.