Por que alguns bebês nascem com tanto cabelo

Vilma Medina

Vilma Medina

A maioria dos bebês nasce com pouco cabelo. De fato, com frequência é só uma penugem que cai com poucos dias. Mas, alguns recém-nascidos chamam realmente a atenção desde o primeiro dia. São os bebês que nascem com muito cabelo!

É o caso de Junior Cox-Noon, que logo ao nascer precisou de um pente. Tanto é assim que aos dois meses de idade, seu cabelo já tinha se transformado numa divertida bola de cabelo com a forma de algodão doce. Por que será que alguns bebês nascem com tanto cabelo? 

Por que existem bebês recém-nascidos com tanto cabelo

por-que-alguns-bebês-nascem-com-tanto-cabelo A

Junior Cox-Noon já é famoso na Inglaterra. Aos seus dois anos de idade (na realidade 9 semanas) ele tem milhares de seguidores na internet. Não é pelos seus olhos azuis, nem por essas bochechas tão redondinhas. Evidentemente, existe algo nele que chama a atenção: o seu cabelo! 

Mas, como é possível? Na verdade, pode ser que um recém-nascido tenha tanto cabelo? A resposta é sim, ainda que não seja muito comum. Os bebês costumam nascer com menos cabelo, muito fino e que, além disso, não deve ser o definitivo. Ou seja: que um bebê tenha mais ou menos cabelo ao nascer, não significa que quando adulto ele será mais ou menos cabeludo. 

A razão de que alguns bebês nasçam com uma preciosa cabeleira? Mais uma vez, a genética. A herança em questão do couro cabeludo está mais que provado (ainda que sempre haja exceções). A quantidade de cabelo, a cor, inclusive a qualidade do cabelo, pode ser herdada dos progenitores (ou avós). 

Também é determinante a raça. Os índios andinos são os bebês com mais cabelo ao nascer, enquanto que os esquimós são sem dúvida os bebês com menos cabelo. 

Mas, não terá nada a ver o desenvolvimento do bebê durante a gestação? A questão é que os folículos pilosos (os encarregados de ‘fabricar’ o cabelo) se desenvolvem até o quinto mês de gravidez. Mas, esse cabelo cai praticamente todo de uma vez, e até o oitavo mês de gestação volta a crescer outro, já mais forte, que não voltará a cair até os 6 meses do bebê, mais ou menos. A partir de então sim, nasce o cabelo definitivo. 

Muitos bebês nascem com crosta láctea. Isso pode provocar uma maior queda de cabelo, ainda que tenda a atenuar, sempre e quando não se trate de dermatite seborréica. Nesse caso, é preferível consultar um dermatologista. 

Estefanía Esteban

Redatora de GuiaInfantil.com

Os cuidados com os cabelos do bebê

Os cuidados com os cabelos do bebê

Que cabelinho mais suave os bebês têm! Para mim se parece com umas plumas de um pequeno pássaro. O primeiro cabelo do bebê pode mudar ou cair rapidamente. Muitas vezes nada tem a ver com o cabelo definitivo. Saiba os cuidados que deve ter com o cabelo dos bebês.

Alopecia. A queda do cabelo em crianças

Alopecia. A queda do cabelo em crianças

A criança tem alopecia quando tem perda de cabelo. Alopecia é a redução parcial (ou total) de cabelos ou pelos em áreas específicas da pele. O termo alopecia define a diminuição ou perda do pelo ou cabelo, localizada ou generalizada, temporal ou definitiva de qualquer tipo ou origem.

Por as crianças têm redemoinhos no cabelo

Por as crianças têm redemoinhos no cabelo

Os redemoinhos no cabelo são esses locais do cabelo que crescem no sentido diferente ao resto do cabelo. Nos cabelos finos ou muito curtos são fáceis de serem vistos e identificar, mas o maior problema vem porque ainda que você penteie bem a criança, a mecha voltará a se colocar no seu próprio caminho.

Por que nascem crianças ruivas

Por que nascem crianças ruivas

Quando uma criança tem o cabelo ruivo, a gente supõe que deva ser por causa do seu pai ou sua mãe por terem nascido assim, e a gente fica sabendo que a mesma coisa acontece com cabelos negros ou castanhos. Mas, isso acontece sempre?

O bom e o ruim dos acessórios para o cabelo do bebê

O bom e o ruim dos acessórios para o cabelo do bebê

São muitos os papais e mamães que querem enfeitar as cabecinhas dos bebês com adornos para o cabelo. Existe todo tipo de acessórios para colocar no cabelo de recém-nascidos e também em bebês de vários meses. Tiaras, laços, coroas pequenas... No entanto, nem todos são adequados para as crianças de tão curta idade.

0 comentarios