A difícil volta à rotina das crianças após as férias

Vilma Medina

Vilma Medina

Carros de corrida, patins, bonecas, videogames... Depois das férias, voltar à rotina é muito difícil para as crianças, principalmente após um Natal com muitos presentes e encontros. São muitos brinquedos novos e pouco tempo disponível para desfrutar deles antes de voltar à rotina. 

As crianças, como é normal nessa idade, vão querer brincar todo o tempo com seus presentes. Por isso é tão importante racionalizar os tempos de lazer e ajudar-lhes a se adaptar de novo aos horários. 

A ‘ressaca’ das crianças após as festas de final de ano

a-difícil-volta-a-rotina-crianças-após-férias A

Nestes primeiros dias é conveniente estabelecer os deveres como uma prioridade em relação à diversão. Não se trata de proibir-lhes o tempo de brincadeiras, mas de ir recuperando o ritmo diário sem que isso prejudique o seu rendimento. Nas férias a gente dorme um pouco mais e isso faz com que os horários dos nossos filhos se descontrolem. O mais recomendável é que os pequenos deitem antes das dez horas da noite e os pais não devem se preocupar com a dificuldade de conciliar o sono: trata-se de um transtorno passageiro. 

Também será benéfico para eles diminuir as horas de televisão e aparelhos eletrônicos, como os computadores e os videogames. Nossos filhos se acostumaram a conviver com eles durante muito tempo nos dias de descanso, mas o ideal é dedicar-lhes no máximo uma hora por dia. Outro ponto-chave para favorecer a adaptação à escola é a alimentação. 

Passar de um período mais sedentário para um ritmo mais frenético da jornada estudantil e das atividades extraescolares provocará um aumento no cansaço que se pode combater com uma dieta equilibrada, evitando produtos industrializados e animando aos filhos a comerem alimentos saudáveis, como as frutas. Além disso, os pais devem ajudá-los a tomar o café da manhã adequadamente, levantando-lhes com tempo suficiente pela manhã: é fundamental para assistir as aulas com as ‘pilhas carregadas’. Repassar as tarefas é a melhor maneira de enfrentar a volta às aulas com sucesso. Se o seu filho é daqueles que deixaram todos os deveres para os últimos dias de férias, o melhor é ensiná-lo a se planejar melhor para que isso não volte a ocorrer. 

Cristina Galafate

Colaboradora de GuiaInfantil.com

Férias com crianças hiperativas

Férias com crianças hiperativas

As férias com as crianças que sofrem de Transtorno por Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) sempre implicam em um desafio para os pais. Os pais devem tentar manter a rotina diária da sua casa.

Férias em casa e com as crianças

Férias em casa e com as crianças

Quando as férias chegam, novamente a gente tem que estabelecer uma nova rotina no lar que agrade a ‘gregos e troianos’. Sem escola e sem suas respectivas atividades extraescolares, as crianças estarão mais em casa.

Os acidentes infantis mais frequentes nas férias

Os acidentes infantis mais frequentes nas férias

Durante as férias, com a presença maior dos pequenos dentro de casa e com a mudança da rotina habitual, também aumenta o risco para eles de sofrerem mais acidentes, principalmente domésticos. Como podemos preveni-los?

O estresse pós-férias e a volta à escola das crianças

O estresse pós-férias e a volta à escola das crianças

As férias terminam e o trabalho retoma com toda a força. Nesses dias se fala muito da Síndrome de Estresse pós-férias. Mas realmente existe a Síndrome pós-férias?

15 conselhos para preparar a volta da criança à escola

15 conselhos para preparar a volta da criança à escola

Antes que os seus filhos voltem às aulas, os pais devem prepará-los para que tenham uma boa saúde física, mental e emocional. Guiainfantil.com recomenda prestar especial atenção às revisões e cuidados médicos básicos, para que o seu filho possa começar com energia e uma excelente saúde a nova etapa escolar.

0 comentarios