Pneumonia: a doença infecciosa que mais causa morte em crianças

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A pneumonia é a primeira causa de morte entre a população infantil nos países em desenvolvimento. Ela acaba com a vida de 1 milhão de crianças todo ano. Aproximadamente a metade dessas mortes poderia ser evitada através de medidas de baixo custo como promover o aleitamento materno, medir a respiração das crianças e tornar acessíveis as vacinas e os antibióticos para as crianças com menos recursos. 

Vacinas infantis contra a pneumonia

pneumonia-a-doença-que-mais-causa-morte-crianças A

A pneumonia é a infecção de parte ou da totalidade do pulmão que pode começar com uma infecção das vias respiratórias altas com um quadro de catarros (fundamentalmente as virais), por isso é frequente que passem vários dias até o seu diagnóstico. Podem ser provocadas por diversos microorganismos, como vírus, bactérias, fungos e parasitas. 

Nos países desenvolvidos normalmente não apresenta problemas. O seu tratamento habitual é proporcionar à criança uma boa umidade ambiental, a ingestão abundante de líquidos, repouso e o controle da febre. Somente em alguns poucos casos a pneumonia (sobretudo a bacteriana) pode provocar uma dificuldade para respirar importante que pode precisar de internação hospitalar da criança e a administração de antibióticos via intravenosa. 

A prevenção do contágio dos vírus que infectam as vias respiratórias altas, causadores de algumas pneumonias mediante hábitos básicos de higiene, assim como o correto tratamento médico das infecções e a administração de vacinas é importante para prevenir as infecções por vírus e bactérias que possam provocar alguns tipos de pneumonias. 

Atualmente existem vacinas efetivas e seguras para proporcionar proteção contra as causas principais da pneumonia: Streptococcus pnemoniae (pneumonia pneumocócica) e Haemophilus influenzae tipo b (Hib). 

Outra medida contra a pneumonia em países em desenvolvimento é medir a respiração da criança. Segundo a UNICEF, um adulto respira umas doze vezes por minuto, enquanto que uma criança com pneumonia pode respirar até mais de sessenta. Informar e aprender a detectar a pneumonia é fundamental para poder salvar milhares de vidas de crianças de todo o mundo. 

Patro Gabaldon

Redatora de GuiaInfantil.com