Por que não usar velas quando se tem um bebê

Vilma Medina

Vilma Medina

Meghan pensou que o melhor para o seu bebê era conseguir um ambiente agradável. Por isso decidiu utilizar velas aromáticas. Que idéia melhor para perfumar o quarto! Assim, que a as manteve acesas por umas 6 horas. 

No entanto, pouco depois descobriu no nariz do seu bebê tinha umas manchas negras. Era fuligem! Meghan não estava consciente do perigo que isso tinha para o seu filho. 

O perigo das velas para os bebês

por-que-não-usar-velas-bebê A 

O caso de Meghan acontece muito mais vezes do que imaginamos. As velas desprendem substâncias tóxicas. Entre elas, o chumbo. São pequenas quantidades, e no caso dos adultos quase imperceptíveis. No entanto, para um bebê o risco é muito maior. Mais ainda se a vela se mantém acesa durante muito tempo. 

A fuligem pode ficar nas fossas nasais da criança ou continuar avançando até os pulmões. Os pneumologistas advertem dos perigos de abusar das velas aromáticas. Mais ainda no caso de ter um bebê em casa. As velas aromáticas podem utilizar materiais irritantes para os olhos, pele e mucosas nasais.

De fato, os pneumologistas da Fundação de Pneumologia da Alemanha acreditam que os alérgicos e asmáticos deveriam se esquecer de usar velas perfumadas elaboradas com parafina. Esse tipo de vela agrava as crises asmáticas. 

Como reduzir os riscos das velas 

Que as velas possam ser perigosas para a saúde não significa que não possam ser usadas de vez em quando, sempre e quando respeitemos esses conselhos: 

- A chama deve ser curta e não longa. Somente 3 mm acima da cera. 

- Não deixe a vela perto de uma janela nem de lugares onde existam correntes de ar. Isso pode fazer que a chama se interrompa constantemente. 

- Não deixar uma vela acesa por mais de duas horas. 

- Diante do primeiro traço de fuligem, a vela deve ser apagada imediatamente. 

- As velas com mais fragrância podem ser mais perigosas. Você deve comprovar que respeite todas as medidas de segurança. 

- As velas fabricadas com parafina são mais perigosas para a saúde do bebê. É melhor usar velas de cera de abelha ou cera de soja. 

- Ventilar muito bem o quarto após usar velas. 

Estefanía Esteban

Redatora de GuiaInfantil.com

As crianças e o cuidado com os fogos de artifício

As crianças e o cuidado com os fogos de artifício

Os fogos de artifício sempre causam acidentes graves em crianças. O mês de junho, principalmente nas cidades do Norte e Nordeste do Brasil, os feriados de São João e São Pedro são as festas maiores dessas regiões, e as de maior duração. Como

As travessuras e aventuras de um bebê pela casa. Que perigo!

As travessuras e aventuras de um bebê pela casa. Que perigo!

Quando os bebês começam a engatinhar ou a caminhar é uma alegria para os pais, mas também uma preocupação. Os pais vão precisar de vigilância contínua. Os bebês não têm medo de nada, perambulam por toda a casa, querem pegar tudo o que vêem pela frente.

Por que se celebra o Hanukkah ou o Festival das luzes

Por que se celebra o Hanukkah ou o Festival das luzes

Hanukkah ou Chanucá (ou Hanucá) é uma festividade litúrgica hebréia que também é conhecida como o Festival das luzes, já que é tradição encher a casa de candelabros com velas que iluminam enquanto se desfruta de um jantar em família.

Lesões por queimaduras na pele da criança

Lesões por queimaduras na pele da criança

As queimaduras das crianças por acidentes domésticos são muito comuns. Às vezes, por um descuido dos pais com o ferro ligado, um fogão aceso, fogos de artifício, um aquecedor ou até mesmo uma vela podem ocasionar queimadura nas crianças que são atraídas pela luz que desprende da fonte de calor sentem vontade de tocá-las.

0 comentarios