7 formas de despertar a criatividade das crianças

Como ajudar as crianças a serem criativas

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Pintar, desenhar, escrever, criar, fabricar, pensar, sonhar, brincar... São processos que despertam a criatividade das crianças e as ajudam a desenvolver sua capacidade de crescer e potencializar sua capacidade analítica e de resolver problemas. A criatividade deve ser estimulada desde as primeiras etapas e com isso estaremos favorecendo o aprendizado das crianças.

Existem crianças extremamente criativas, que nem precisam ser estimuladas porque constantemente pensam e idealizam diferentes formas de brincar ou fazer suas tarefas. Outras nem tanto, mas para todas existem dicas que os pais podem seguir para potencializá-la e alimentá-la.

7 idéias para estimular a criatividade infantil

7-formas-educar-criatividade-crianças A 

1 – Não paralisar a criança: muitas vezes freamos a criatividade da criança para evitar desastres como deixar que se manchem com aquarelas ou sujem o chão de barro. É conveniente criar um cantinho onde possam se sujar sem problemas seja colocando um tapete de plástico no chão ou mesmo jornais velhos. 

2 – Aproxime a arte da criança: não somente é conveniente levar a criança a museus, mas também podemos ensiná-las os quadros que outros artistas pintaram através dos livros ou inclusive a Internet. Além disso, cada vez que a criança realize um desenho podemos aprofundar nele e perguntar por que utilizaram certas cores ou porque desenhou aquilo daquela ou desta forma. 

3 – Convide a criança para que pense por si mesma: não diga como ela deve fazer ou que cores deverá utilizar. Deixe que prove cores ou formas e ajude-a com conselhos e orientações, mas não a obrigando a seguir normas.

4 – Não corrija a criança: é possível que pinte mãos com três dedos e cabeças enormes, mas essa é a sua maneira de fazê-lo e está em processo de aprendizado e está aperfeiçoando seus desenhos. Se a corrigirmos constantemente poderá se frustrar ao sentir que está fazendo algo ruim.

5 – Deixe que pense à vontade: anime-a a expressar idéias ‘loucas’ ou coisas sem sentido. Está desenvolvendo sua genialidade.

6 – Incentive os seus gostos: utilizar seus interesses para desenvolver atividades em torno delas. Se a criança gosta de trens, poderia criar um trem de cartolina ou se gosta de atuar, poderia preparar uma apresentação teatral.

7 – Fale e pergunte à criança: você pode fazer perguntas sobre como ela acredita que os aviões conseguem voar ou como seria viver na era dos dinossauros. Isso vai potencializar sua fantasia e criatividade.

Alba Caraballo

Editora de GuiaInfantil.com