Por que acontecem os desejos na gravidez

Mitos ou realidades nos desejos da gestante

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Os desejos da gestante são caprichos, geralmente relacionados com a comida, que afetam três de cada quatro mulheres grávidas. Caracterizam-se por um apetite especial por algo concreto, que não se satisfaz com substituições. Além disso, a necessidade de satisfação é urgente e, quando se consegue, qualquer desses caprichos produz um prazer especial. 

Outra característica peculiar dos desejos é que incluem toda classe de comida de misturas. Inclusive, algumas gestantes têm caprichos com sabores, que, antes da gestação, não as atraia ou era desagradável para elas. E, por último, esses desejos podem se apresentar a qualquer hora do dia ou da noite e em qualquer momento da gestação.

Possíveis causas dos desejos na gravidez

desejogravidez

Enquanto alguns especialistas relacionam os desejos com as alterações hormonais que acontecem durante a gravidez e que tem um impacto muito poderoso nos sentidos do gosto e do olfato. Outros especialistas, entre eles alguns nutricionistas, acreditam que os desejos surgem para compensar uma necessidade nutricional. 

Assim, uma deficiência de vitamina B, poderia justificar o desejo de comer chocolate, a carência de betacaroteno justificaria o gosto por pêssegos e a necessidade de proteína poderia estar relacionada com o desejo de comer carne vermelha. No entanto, os estudos sobre esse tema não encontraram muita relação entre os desejos de uma mulher grávida e o que o seu corpo necessita.

Ainda que haja algumas curiosas relações entre os desejos e a fisiologia da gravidez, que explicariam porque pode apetecer algo doce à futura mamãe durante a madrugada devido a uma baixa de glicose no sangue materno, quando a mamãe fica várias horas que não come e o feto se alimenta continuamente. 

No plano psicológico, acredita-se que os desejos da gestante, respondem, por um lado, a uma maior necessidade de afeto por parte da mulher com o seu esposo, e, por outro ao desvio da sensação de ansiedade que a gravidez provoca. Os alimentos mais desejados são os ‘proibidos’ como o chocolate, o que faz pensar em uma causa psicológica. 

No entanto, diversos estudos dizem que as áreas do cérebro envolvidas no paladar estão muito próximas das que recebem os impulsos nervosos originados no útero durante a gravidez e o ciclo menstrual. Todas elas estão situadas no quinto lóbulo do cérebro e quando as terminações nervosas do útero enviam sinais aos seus receptores cerebrais, ao serem ativadas, ativam também, por proximidade, aos receptores das sensações do gosto, provocando assim os desejos. 

Desejos das gestantes: satisfação com moderação 

Ainda que não seja verdade que os desejos insatisfeitos se transformem em manchas na pele do bebê ou hemangiomas, satisfazer os desejos da gestante pode fazê-la mais feliz. A mulher deve saborear aqueles desejos que são saudáveis e buscar alternativas para os que não são. Por isso não tem porque não satisfazê-las com um morango, um chocolate, uma melancia se isso a faz tão feliz, nem que seja por um momento. No entanto, evite abusar dos seus desejos ou das aversões a determinados alimentos, já que isso poderia te causar alterações no seu estado nutricional. 

Alguns especialistas asseguram que com os desejos, a mulher volta à sua infância, porque, de alguma maneira, esses caprichos são próprios das crianças quando somente um objeto a atrai, e por outro lado, acalmam uma ânsia que se suaviza ao conseguir exatamente o que desejava. 

No entanto, também pode afetar a relação do casal e se utilizar como um método para chamar a atenção ou controlar a situação. 

Idéias para controlar os desejos na gravidez 

1. Tome um café da manhã bem gostoso. Pular o café da manhã pode aumentar seus desejos e ansiedade por um determinado tipo de alimento. 

2. Faça exercícios. Praticar algum tipo de atividade física reduz a ansiedade e melhoram o estado emocional ao segregar endorfinas, os hormônios do bem-estar. 

3. Apoio emocional. As alterações hormonais que a mulher atravessa na gravidez, podem aumentar seus desejos para satisfazer suas necessidades com comida. Permita-se ser abraçada e amada. 

4. Bom humor. Ao invés de lutar contra eles, enfrente os seus desejos com bom humor. 

5. Desejos mais saudáveis. Tente substituir os alimentos calóricos por outros mais baixos em calorias como o sorvete, por sorvete de iogurte e os doces por frutas frescas. 

Marisol Nuevo