Como prevenir os fungos nos pés das crianças

Causas e tipos de fungos nos pés durante a infância

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Um dos problemas mais comuns em crianças e também em adultos são os fungos nos pés. Ainda que possam aparecer em qualquer época do ano, o risco de fungos nos pés das crianças aumenta no verão pelo uso de piscinas públicas e por andar com os pés descalços. Ainda que os fungos não impliquem em um problema sério de saúde, convém tratá-los o quanto antes.

Tipos de fungos nos pés das crianças

como-prevenir-fungos-nos-pés-crianças A

Os fungos nos pés são infecções que podem aparecer na planta do pé da criança, entre os dedos ou nas unhas. Quando os fungos aparecem na planta do pé e nos dedos, se chama de pé de atleta e apresenta sintomas como coceira, vermelhidão da área afetada, descamações e até bolhas nos pés. Para tratar o pé de atleta devemos levar a criança ao pediatra o quanto antes. 

Existe outro tipo de infecção por fungos nos pés que a onicomicose e que se limita às unhas dos dedos dos pés da criança, e se não for tratada a tempo pode se estender a outras áreas da pele. Os sintomas da onicomicose são observados no momento em que a unha começa a mudar de cor, fica amarelada e aumenta sua espessura. Também é imprescindível o tratamento médico, mas em ambos os casos, para o pé de atleta e para a onicomicose, o melhor tratamento é a prevenção.

Conselhos para prevenir os fungos durante a infância

Uma infecção por fungos nos pés é contagiosa, por isso é uma doença especialmente frequente no verão, quando as crianças andam descalças nas piscinas. 

1. Deve-se ter especial cuidado que as crianças usem chinelos sempre que possível e não ficar com os pés úmidos durante muito tempo, porque a umidade favorece o aparecimento de fungos. Após o banho de praia ou de piscina, as crianças se secam no sol, mas os pais devem secar as áreas entre os dedos dos pés com uma toalha, uma vez que têm mais riscos de aparecimento de fungos.

2. O calçado que as crianças utilizam deve ser ter a atenção dos pais. Devem ser de materiais naturais e que deixe o pé respirar. O suor dos pés não apenas produz mau cheiro, mas também é o meio ideal para que os fungos se reproduzam. 

3. Uma boa forma de prevenir o aparecimento de fungos nos pés das crianças é ajudá-las a secar bem os pés após o banho. Depois também podemos aplicar talco nos pés para evitar a sudoração excessiva e a umidade. Também é importante trocar várias vezes por dia o calçado e também as meias para que os pés se mantenham limpos e os calçados livres de bactérias. 

Laura Vélez

Redatora de Guiainfantil.com