Cuidados com a visão durante a gravidez

Tudo o que você precisa saber sobre a visão na gravidez

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Numa gravidez acontece uma série de transformações importantes, não somente a nível emocional, mas também físico. Já é de conhecimento de todos que para garantir um bom desenvolvimento da gravidez convém levar uma vida saudável, mas, além disso, alguns cuidados extras.

É o caso da saúde ocular, que pode se ver afetada durante o período de gestação. Sendo assim fizemos uma relação dos cuidados essenciais com a visão durante a gravidez.

Cuidados com a visão na gravidez

Consulta de oculista na gravidez

Vista ressequida. É muito frequente, durante a gravidez, notar uma certa sequidão nos olhos por causa das flutuações hormonais. Trata-se de um incômodo que seguramente desaparecerá após o parto, mas que convém tratá-la para não aumentar sua gravidade. Um colírio será de grande ajuda para aliviar a sequidão ocular, mas antes de usar qualquer colírio consulte o seu médico. Também a alimentação pode te ajudar a favorecer a umidade dos olhos comendo alimentos ricos em Omega 3. 

- Visão embaçada. A vista embaçada durante a gravidez é um dos problemas oculares mais frequentes. Também pode ocorrer que tenha visão dupla ou que apareçam manchinhas no seu campo de visão. Pode ser sintoma de hipertensão e se apresenta, sobretudo, em mães de primeira viagem e em gravidez múltipla. Em todo caso, se notar a visão embaçada, deve procurar o médico o quanto antes. 

- Edema macular. Se além da visão embaçada, você tiver fortes dores de cabeça, e suas pálpebras estão inchadas, procure um oftalmologista para descartar um edema macular. Todos esses sintomas podem aparecer como consequência da retenção de líquidos, mas nunca é demais cuidar da sua saúde ocular na gravidez. 

- Doenças pré-existentes. Algumas doenças pré-existentes como a hipertensão, a diabete ou o glaucoma, requerem cuidados extra durante a gravidez para não colocar em perigo sua saúde ocular. Se seguir os cuidados que o seu médico e seu oftalmologista lhe recomendam, após o parto, voltará a recuperar a sua visão habitual.

- Infecções oculares. A mais comum durante a gravidez é a conjuntivite, que pode se tratar com remédios caseiros como bolsinhas de chá frias aplicando sobre as pálpebras, não descartando sempre a procura de um especialista.

- Miopia. É principalmente a retina que experimenta as mudanças mais bruscas em consequência da gravidez. Por isso, não é de se estranhar que se já tinha miopia antes de ficar grávida, perceba que ela aumentou consideravelmente. Também pode acontecer que seja durante a gravidez que a miopia apareça. Nesses casos também deve estar muito atenta, porque o risco de desprendimento de retina é muito alto.

Laura Velez. Redatora de GuiaInfantil