O cônjuge causa 10 vezes mais estresse do que os filhos

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Segundo os estudos, as mães de primeira viagem sofrem um alto nível de estresse, sobretudo durante os primeiros meses após o nascimento do bebê. É normal pensar que as noites sem dormir dando o peito, as longas jornadas cuidando do bebê, os medos iniciais ou as constantes dúvidas a respeito da criação elevem a ansiedade e o estresse das mães. No entanto, um recente estudo vem mudar essa crença, já que assegura que o cônjuge causa 10 vezes mais estresse do que os próprios filhos. 

Um marido gera mais estresse do que os filhos

o-cônjuge-causa-10-vezes-mais-estresse A 

O seu cônjuge te causa estresse? É possível que você esteja concordando com a cabeça e se lembrando de todas as vezes que o seu marido tenha te tirado do sério. Mas, ele te causa mais estresse que os seus próprios filhos? É muito possível que de novo esteja concordando com a cabeça. 

Essa resposta afirmativa foi dada por muitas mulheres que participaram de uma pesquisa na página web Today.com. Essa página entrou em contato com 7.000 mães e encontrou níveis de estresse de 8,5 em cada 10 delas. Isso levou os pesquisadores a questionar o porquê de tanto estresse. 

Pois bem, 46% das entrevistadas atribuíam o seu nível de estresse aos seus esposos mais do que aos filhos. A razão principal é a pouca ajuda que dizem receber dos seus cônjuges no cuidado da casa e dos filhos. Isso as sobrecarregam de trabalho e faz com que não tenham tempo para fazer as tarefas do dia a dia. Em definitivo, três quartos das mães com cônjuges afirmam que elas levam o peso da casa e dos filhos, além de suportar o comportamento infantil dos seus maridos. 

Truques caseiros para combater o estresse

Se você faz parte dessas mães estressadas, seja pelo seu marido, filhos ou trabalho é bom parar e tentar controlar o estresse ou reduzi-lo, já que afeta seriamente não apenas o seu estado de ânimo como também a sua saúde. Essas simples ações diárias te ajudarão a reduzi-lo: 

- Respirar profundamente: respire profundamente e conte até 10. Aguente alguns segundos e solte o ar bem devagar. 

- Ria: Chame aquela amiga que te faz rir, olhe aquele vídeo dos seus filhos que te provoca riso, ou um filme de comédia. Qualquer coisa vale para isso, porque o riso ajuda a diminuir o estresse. 

- Coloque uma música: a musicoterapia é realmente efetiva em momentos de estresse. Uma música tranquila e relaxante pode baixar o ritmo cardíaco, a pressão arterial e o esgotamento muscular. 

- Massagens: conceda-lhe um tempo na semana para poder descarregar a tensão com uma boa massagem. Isso te ajudará a eliminar a rigidez e a dor muscular que você vai acumulando. 

Alba Caraballo

Editora de GuiaInfantil.com