Estou grávida. Posso pintar meu cabelo?

Muitas mulheres compartilham da mesma dúvida: se podem ou não pintar o cabelo durante a gravidez. Elas querem cuidar da sua imagem, mas ao mesmo tempo não querem prejudicar ao seu bebê e não sabem o que fazer. Ainda que muitos médicos recomendem cautela com o uso de tinturas durante a gravidez, não existem motivos nem base científica comprovada que demonstre que as tinturas possam afetar o feto.

Pintar ou não o cabelo durante a gravidez 

Se pode tingir o cabelo durante a gravidez?

Alguns estudos de laboratório resultaram favoráveis ao uso de tinturas, já que não encontraram dano algum em roedores em que foram aplicados grandes doses de uma tintura. Outras pesquisas encontraram danos cromossômicos em mulheres que não estavam grávidas, mas que tingem o cabelo, o que despertou a possibilidade de que essa alteração poderia apresentar algum risco ao bebê de uma gestante. Outros estudos sinalizam que as soluções químicas podem ser absorvidas através do couro cabeludo e chegam até o sangue, podendo comprometer o cérebro e o sistema nervoso do bebê.

Não existem razões para acreditar que as tinturas que são utilizadas hoje em dia, produzam defeitos de nascença ou perdas de bebês, nem tão pouco para eliminar todo tipo de risco. Por isso, penso que o melhor é manter a prudência e a cautela. Como medida de precaução, é aconselhável que, como recomendam os médicos, que a mulher espere para tingir o cabelo a partir do quarto mês de gravidez, quando o bebê já tenha seus órgãos vitais, cabeça, corpo e extremidades, formadas. As fórmulas das tinturas mudaram positivamente nos últimos anos. 

Os novos processos químicos prejudicam muito menos o cabelo, e isso se nota inclusive no cheiro. Em todo caso, sempre é aconselhável que as mulheres leiam as embalagens de cada produto antes de utilizá-los, e comente com o seu médico. Eu me refiro não somente aos rótulos de tinturas, mas também aos produtos para permanentes ou progressivas.

Se uma mulher não se sentir segura de usar tinturas convencionais, existem alternativas. Algumas alternativas podem ser testadas, como tinturas vegetais, a henna, xampu colorante sem amônia, cujo efeito se perde após algumas lavagens. Quando se utiliza algum produto químico durante a gravidez, deve ser feito com luvas e num lugar bem ventilado. Todo cuidado é pouco quando existe um bebê envolvido. Ouvir o médico de sua confiança trará mais tranquilidade para a futura mamãe

Vilma Medina
Diretora de GuiaInfantil.com

  • Sintomas perigosos durante a gravidez
    Sintomas perigosos durante a gravidez

    Urgencias durante a gravidez. O período de gestação é uma fase na vida da mulher cheia de sonhos e expectativas. Infelizmente nem todas gestações tem um final feliz, e os motivos são muitos. Apresentamos alguns sintomas que devem ser acompanhadas pelo médico com urgência.

    • Pintar o cabelo durante a gravidez
      Pintar o cabelo durante a gravidez

      Pintura de cabelo durante a gravidez. Uma das dúvidas das gestantes é se podem ou não pintar os cabelos. A maioria dos médicos recomenda como simples proteção que não se usem produtos químicos (tinturas, permanentes) durante o primeiro trimestre.

0 comentários