Crianças que nascem com problemas no intestino

O que é a enterocolite necrosante em recém-nascidos

Vilma Medina

Vilma Medina

A enterocolite necrosante neonatal é um problema que pode afetar o intestino de alguns recém-nascidos. Em concreto, com prematuros (bebês que nascem antes da semana 37 de gravidez), a recém-nascidos com baixo peso, a bebês com doenças cardíacas, com alguma doença pulmonar ou recém-nascidos com sangramento importante.

Sintomas de enterocolite necrosante em recém-nascidos

crianças-que-nascem-com-problemas-intestino A

Tenhamos em conta uma coisa: o sangue é o veículo através do qual chegam nutrientes aos distintos órgãos e sistemas. Isso vai permitir que o órgão funcione adequadamente. Pois bem, no caso da enterocolite está comprometido o acesso do sangue e oxigênio a diversas áreas do intestino delgado (íleo distal) e grosso (cólon proximal). Como resultado dessa má perfusão do intestino pode haver um enfraquecimento do mesmo e uma infecção generalizada secundária. 

Do ponto de vista clínico, o bebê com enterocolite mostra sinais inespecíficos de doença (cor cinza claro, certa dificuldade para respirar, menor mobilidade) junto com sinais e sintomas específicos (abdômen distendido, emissão de fezes com sangue). Por sua vez, pode manifestar febre. 

Diagnóstico e tratamento da enterocolite necrosante em bebês

Para diagnosticar esta condição, a suspeita clínica é importante. Para fundamentá-la será feita uma radiografia simples de abdômen. Na mesma pode se objetivar um padrão de migalha de pão, gás dentro da parede intestinal, gás numa veia do fígado chamada veia porta, aeração anormal do peritônio, etc. 

O tratamento é facilmente dedutível. Se o intestino estiver comprometido, o mais razoável é deixar o bebê em dieta absoluta (terá que ser nutrido através da veia até que esteja melhor). Será colocada uma sonda nasogástrica e será administrado ao bebê, antibióticos. Nos casos mais graves se submeterá o recém-nascido a tratamento cirúrgico.

Iván Carabaño Aguado

Chefe do Serviço de Pediatria 

Hospital Universitário Rey Juan Carlos

Hospital General de Villalba

Compras para a mãe e o bebê antes do parto

Compras para a mãe e o bebê antes do parto

Preparação da mãe para o parto. O dia em que a grávida tiver que ir para a maternidade para dar a luz ao seu bebê, seguramente será um dia que jamais se esquecerá. Seja pelas emoções, pelo nervosismo, ou por algum contratempo, será um dia especial, e por isso deve se preparar para ele.

A inteligência dos bebês prematuros

A inteligência dos bebês prematuros

O nascimento de bebês prematuros continua aumentando. De acordo com um estudo da Organização Mundial da Saúde, publicado neste ano, o número de crianças nascidas antes do tempo, já está perto dos 15 milhões no mundo e o número continua crescendo.

Com que idade os bebês prematuros começam a engatinhar

Com que idade os bebês prematuros começam a engatinhar

Estabelecer uma idade em que o bebê comece a engatinhar, a dar os seus primeiros passos ou a dizer suas primeiras palavras é difícil, porque cada bebê tem seu próprio tempo para isso. Mais difícil ainda é o caso dos bebês prematuros.

A gravidez não deve frear o tratamento contra o câncer

A gravidez não deve frear o tratamento contra o câncer

Em alguns casos o câncer aparece quando a gravidez já está em andamento. É então quando as mamães enfrentam um dilema enorme: frear o tratamento até o parto com o consequente perigo para a sua saúde ou realizar o tratamento com o perigo de causar um prejuízo no bebê?

Mês de atenção ao Prematuro

Mês de atenção ao Prematuro

O mês de novembro é marcado como mês de atenção ao prematuro. O Dia 17 de novembro é o Dia Mundial de Atenção ao Prematuro. O Brasil figura entre os 10 países com maior número de nascimentos de prematuros, chegando à cifra de 40 bebês por hora (dados do SUS e Ministério da Saúde).

Sintomas de morte fetal durante a gravidez

Sintomas de morte fetal durante a gravidez

O fato de que ocorra algo ruim ao bebê é uma das principais preocupações que as mulheres têm quando descobrem que estão grávidas. E a morte do bebê dentro do útero é uma das circunstâncias mais duras que o casal tem que passar.

0 comentarios