Crianças que nascem com problemas no intestino

O que é a enterocolite necrosante em recém-nascidos

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A enterocolite necrosante neonatal é um problema que pode afetar o intestino de alguns recém-nascidos. Em concreto, com prematuros (bebês que nascem antes da semana 37 de gravidez), a recém-nascidos com baixo peso, a bebês com doenças cardíacas, com alguma doença pulmonar ou recém-nascidos com sangramento importante.

Sintomas de enterocolite necrosante em recém-nascidos

crianças-que-nascem-com-problemas-intestino A

Tenhamos em conta uma coisa: o sangue é o veículo através do qual chegam nutrientes aos distintos órgãos e sistemas. Isso vai permitir que o órgão funcione adequadamente. Pois bem, no caso da enterocolite está comprometido o acesso do sangue e oxigênio a diversas áreas do intestino delgado (íleo distal) e grosso (cólon proximal). Como resultado dessa má perfusão do intestino pode haver um enfraquecimento do mesmo e uma infecção generalizada secundária. 

Do ponto de vista clínico, o bebê com enterocolite mostra sinais inespecíficos de doença (cor cinza claro, certa dificuldade para respirar, menor mobilidade) junto com sinais e sintomas específicos (abdômen distendido, emissão de fezes com sangue). Por sua vez, pode manifestar febre. 

Diagnóstico e tratamento da enterocolite necrosante em bebês

Para diagnosticar esta condição, a suspeita clínica é importante. Para fundamentá-la será feita uma radiografia simples de abdômen. Na mesma pode se objetivar um padrão de migalha de pão, gás dentro da parede intestinal, gás numa veia do fígado chamada veia porta, aeração anormal do peritônio, etc. 

O tratamento é facilmente dedutível. Se o intestino estiver comprometido, o mais razoável é deixar o bebê em dieta absoluta (terá que ser nutrido através da veia até que esteja melhor). Será colocada uma sonda nasogástrica e será administrado ao bebê, antibióticos. Nos casos mais graves se submeterá o recém-nascido a tratamento cirúrgico.

Iván Carabaño Aguado

Chefe do Serviço de Pediatria 

Hospital Universitário Rey Juan Carlos

Hospital General de Villalba