6 conselhos para ajudar o bebê a andar

Como incentivar o bebê para que dê os seus primeiros passos

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A partir dos 12 meses a maioria dos bebês já está preparada para andar. Alguns se lançam rápido, mas outros, no entanto, custa bastante dar os primeiros passos. Talvez pela insegurança ou porque simplesmente os bebês estejam necessitando que alguém os ajude. 

Quando você notar que o seu filho já tem capacidade para se manter em pé bastante tempo sem cair e começa a se movimentar pela casa em pé, agarrado aos móveis e à parede, e estende as mãozinhas para que você o leve de um lado para o outro, ele está preparado para os primeiros passinhos. Mas, como eu posso ajudá-lo para que se solte e comece a andar sozinho? Anote esses conselhos.

6 conselhos para ajudar o seu filho a andar

6-conselhos-para-ajudar-bebê-andar A

1. Para ajudar o bebê a se colocar em pé, você pode usar um banquinho ou uma cadeira pequena. Você se colocará em pé atrás da cadeira ou do banquinho e mostrará ao seu filho o seu boneco favorito. Você se agachará um pouco, o suficiente para que o seu filho possa agarrá-lo caso se coloque em pé. Uma vez que ele chegue até onde você estiver (possivelmente engatinhando), usará a cadeira ou o banquinho para se colocar em pé.

2. Permita ao seu bebê andar descalço pela casa. Isso fará com que ele melhore o seu equilíbrio e seu contato com o solo, o que lhe dará mais confiança.

3. Utilize um andador, ou uma cadeirinha de bonecos para que o seu filho possa dar alguns passos se agarrando a eles. Os bebês adoram empurrar objetos. Ainda mais se esses objetos têm rodas! Eles se sentirão mais seguros e estarão treinando para quando chegar o momento de se soltar. 

4. Incentive sua curiosidade. Mostrando-lhe o seu brinquedo favorito, você conseguirá que ele se movimente até você

5. Para que ele aprenda a andar é melhor que você fique por trás dele. Dê suas mãos ao pequeno e eleve os seus braços. Pouco a pouco ele irá substituindo suas mãos por um dedo. Você já está quase lá! 

6. Ensine-o a frear. Para isso, deixe que ele dê alguns passos sozinho e pare-o oferecendo um dos seus dedos de cada mão. Deixe que ele fique quieto em equilíbrio e o solte. Você verá que ele acaba aguentando! 

Como último conselho, muita paciência. Nem todas as crianças têm o mesmo ritmo. Algumas crianças custam mais que outras, assim que não tenha muita pressa em ver o seu bebê caminhar sozinho. 

Estefanía Esteban

Redatora de GuiaInfantil.com