Distensão ou inchaço abdominal durante a gravidez

Cada etapa da gravidez tem seus incômodos. A distensão abdominal é um deles

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

O período de gravidez traz uma série de mudanças fisiológicas na mulher. Não mudam apenas as formas do seu corpo, mas também o funcionamento dos seus órgãos.

Por isso, é muito importante observar as alterações que vão acontecendo sem se assustar, e sempre comentar com o seu médico. Cada etapa da gravidez tem uma mudança ou incômodo que acontece. A distensão ou inchaço abdominal é uma delas.

O que é e o que causa a distensão abdominal

Inchaço abdominal durante a gravidez

A distensão abdominal ou inchaço, é um incômodo na gravidez, que pode ocorrer a partir dos 3 meses, quando o tamanho do útero modifica a cavidade abdominal, já que comprime os intestinos até o diafragma, provocando uma digestão mais lenta. A pressão dentro do útero sobre o estômago pode fazer com que a mulher se sinta mais inchada do que o habitual depois da refeição.

O sintoma principal de uma distensão abdominal é a presença de um ventre inflamado e doloroso. Em geral, é provocada pela flatulência intestinal devido ao consumo excessivo de alimentos ricos em fibras como frutas e verduras cruas, assim como os legumes.

A distensão abdominal também pode ser causada:

1- Pela Síndrome do intestino irritável

2- Engolir ar devido a um estado de tensão, pelas manifestações hormonais naturais ou comer muito e rápido

3- Acumulação de líquidos no abdômen

4- Gases no intestino ou prisão de ventre

5- Obstrução intestinal parcial 

6- Síndrome pré-menstrual 

7- Miomas uterinos e cistos no ovário

8- Aumento de peso

9- Intolerância à lactose

Como aliviar os sintomas da distensão abdominal

Considerando que algumas mulheres tem uma propensão ao inchaço durante a gravidez, o melhor nesses casos é a prevenção e buscar uma forma de aliviar os sintomas.

1- Quando a distensão é causada por engolir ar:

- Evitar as bebidas gasosas, como os refrigerantes

- Evitar mastigar chicletes ou chupar caramelos 

- Evitar beber líquidos a goles rápidos

- Comer devagar e com moderação

2- Quando o inchaço abdominal é por uma má absorção ou ingestão de alimentos:

- Tentar diminuir o stress emocional (yoga, massagens, shiatsu)

- Controlar a dieta e hábitos alimentares

- Ingerir mais comidas, mas em menor quantidade durante o dia

- Beber água

- Evitar comer muita fibra, como frutas e verduras cruas. Nesse caso, devem estar cozidas

3- Quando a distensão é por intolerância à lactose:

- Evitar alimentos que não tenham, como por exemplo leite livre de lactose

4- Quando a distensão é provocada pela prisão de ventre ou constipação:

- Favorecer o trânsito intestinal com verduras e frutas cozidas

- Incluir yogurtes na dieta alimentar

É muito importante que antes de mais nada, você consulte seu médico. Deve-se procurar o médico sempre que sentir algum incômodo na barriga, quando o abdômen se apresenta sensível ao tato, quando tiver febre, diarreia intensa, não exista tolerância aos alimentos, ou quando o inchaço abdominal não responda ao tratamento que o médico prescreveu.