Colite infantil. Sintomas e tratamento

Como detectar a colite nas crianças e como tratá-la

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Se existe algo que é muito incômodo e nada agradável para as crianças em questão de saúde é sofrer em determinadas ocasiões de colite. Esta doença é muito comum em nossos filhos, e conhecer como são os seus sintomas e em que consiste o seu tratamento ajudar a poder detectá-la a tempo e assim as crianças sejam curadas o quanto antes.

Os sintomas da colite infantil

colite-infantil-sintomas-e-tratamentos A

A colite é a irritação que implica numa inflamação que pode se produzir no intestino grosso. Acredita-se que possa haver uma base hereditária, e fatores como o estresse podem deixar algumas pessoas no grupo de risco. Existem diferentes tipos dessa doença que pode chegar a se desenvolver como a ulcerativa e a nervosa. 

Os sintomas da colite são facilmente reconhecíveis, já que podem ter uma diarréia considerável como prova principal. No entanto, o fato de ter uma diarréia não significa que a criança tenha colite, mas quando já se produziu uma inflamação é sim um sintoma de colite. 

Por outro lado, também existem outros sintomas para saber se uma criança tem colite, como a dor abdominal, a febre ou também a desidratação, além das náuseas.  

Tratamento para a colite em crianças

Quanto ao tratamento para quando uma criança tiver colite, o mais recomendável é procurar um médico especialista, já que, dependendo do tipo de colite ele poderá receitar um antibiótico.

No entanto, se a colite não for demasiadamente grave, existem remédios naturais para conseguir freá-la no que diz respeito à alimentação. É recomendável ingerir uma dieta leve e equilibrada para acabar com a inflamação do intestino grosso e assim voltar à normalidade. Esta dieta não deve ser rica em fibras nem deve ter alimentos pesados ou com gorduras, já que poderiam contribuir para piorar a situação. 

Além disso, é imprescindível beber muito líquido para evitar a desidratação, mas deve ser água e não bebidas açucaradas, sucos ou bebidas gasosas. Também é recomendável ter cuidado com o leite porque em muitas crianças pode ser produzida devido a uma intolerância à lactose

Marta Marciel

Redatora de GuiaInfantil.com