As graves consequências do álcool para o bebê na gravidez

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Todos sabem que beber álcool durante a gravidez pode comprometer seriamente a saúde do bebê. Isso já não é segredo nem novidade para ninguém.

Na primeira consulta médica de uma gestante, uma das primeiras proibições na sua dieta são aquelas relacionadas às bebidas alcoólicas. E não é para menos. Os principais defeitos congênitos de um bebê são provocados pelo consumo de álcool das mães durante a gravidez. 

Não beba álcool durante a sua gravidez

as-graves-consequências-do-álcool-gravidez A 

Ainda que a Síndrome do Alcoolismo Fetal (SAF) seja de fácil prevenção, um por cento dos bebês europeus nasce com esse transtorno que provoca sérias deformações e deficiências nos pequenos. São bebês cujas mães não atentaram à recomendação médica de não beber álcool, e, como consequência, acabaram nascendo com defeitos congênitos. 

O álcool é uma das substâncias mais perigosas para o desenvolvimento do feto. O consumo de álcool aumenta o risco de aborto espontâneo e de parto prematuro. As crianças podem nascer com traços faciais alterados e más formações no coração, nos rins, no tubo digestivo, nas extremidades, etc. Além do físico, o consumo de álcool durante a gravidez pode gerar um atraso no crescimento e desenvolvimento psicomotor do bebê, podendo provocar problemas de hiperatividade, dificuldade para memorizar, falar ou na coordenação. 

Bebê de mãe que bebe álcool

Se você estiver grávida, o melhor é que você atente às inúmeras pesquisas. O álcool é a primeira causa (não genética) de atraso mental nos bebês. Uma criança diagnosticada com a Síndrome do Alcoolismo Fetal pode apresentar: 

- Deformações faciais. 

- Desenvolvimento lento e atrasado. 

- Problemas neurológicos.

O álcool chega ao feto através da placenta. Quando a mãe bebe álcool, o seu bebê, em menos de uma hora, apresentará no sangue a mesma concentração de álcool, ainda que seja uma só gota. Por esta razão, NÃO existe limite seguro de consumo de álcool durante a gravidez

Tão pouco é aconselhável que a mãe beba álcool durante a amamentação. O álcool passa ao bebê através do leite. Pense nisso e no seu bebê se você estiver grávida. 

Vilma Medina

Diretora de GuiaInfantil.com