A AIDS na infância. Dia Mundial da Luta contra a AIDS

Vilma Medina

Vilma Medina

Os problemas das crianças com AIDS são causados pelas baixas ou nulas defesas do seu organismo, que faz com que sofram com distintas doenças que o seu sistema imunológico não pode combater. Desde o dia 1º de dezembro de 1988, que foi proclamado como Dia Mundial da Luta contra a AIDS, essa doença já tinha matado 25 milhões de pessoas em todo o planeta. Atualmente, há aproximadamente 3,2 milhões de crianças com o vírus HIV e a maior parte delas foi transmitida ou infectada pela mãe durante a gravidez.

Dia Mundial da Luta contra a AIDS na infância

aids-na-infância-Dia-Mundial-Contra-a-AIDS A

A prevenção de doenças é o primeiro objetivo a cumprir para as crianças com AIDS. Qualquer vírus ou bactéria pode invadir qualquer órgão do corpo, sem que nada possa impedir. Seu sistema imunológico está anulado devido ao HIV, Vírus da Imunodeficiência Adquirida, e qualquer outro vírus ou bactéria pode colonizar seu pequeno organismo. Em geral, as crianças com AIDS necessitam da mesma atenção que os adultos infectados pela doença, mas, existem alguns aspectos adicionais que devem ser levados em conta.

- As mudanças no estado de saúde ou comportamento da criança. Em uma criança com AIDS, os pequenos problemas podem se tornar graves muito rapidamente. Alguns problemas respiratórios, como a tosse, a febre e mucosidade podem ser muito prejudiciais para a criança. Se a criança tiver sonolência anormal, diarréia ou mudanças na quantidade de alimentos que ingere, convém ira ao médico o quanto antes.

- A varicela (catapora). Continuando com as doenças infecciosas, algumas, especialmente a varicela, pode matar uma criança com AIDS. É muito importante que a criança com o HIV evite se contagiar de alguém com varicela. 

- As vacinas. O sistema imunológico universal para as crianças não serve para as crianças com AIDS, já que algumas dessas vacinas podem fazer essas crianças adoecerem. Uma delas é a vacina contra a pólio

Em casa, também devemos fazer alguma coisa para evitar que a criança adoeça: 

- Feridas. Usar luvas se a criança sangra e lavar sua ferida com sabão e água quente. Depois vedar qualquer corte ou arranhão rapidamente. 

- Bonecos. Os brinquedos de plástico, que são lavados facilmente, são os mais indicados para essas crianças porque podem se manter limpos sempre. 

- Bichos de estimação. Mantenha a criança distante dos recipientes onde os animais fazem suas necessidades fisiológicas e as caixas de areia nas quais poderia ter estado o bicho de estimação ou algum outro animal. Os animais também são uma fonte de contágio de doenças.

O que é a AIDS

A palavra AIDS significa Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Acquired Immune Deficiency Syndrome (AIDS), em inglês). Essa doença é causada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana, o HIV (Human Immunodeficiency Virus). Síndrome quer dizer um grupo de sinais e sintomas que, considerados em conjunto, caracterizam uma doença. A imunodeficiência é um distúrbio que reduz, ou elimina, a capacidade do organismo de defender-se do ataque de vírus, bactérias, protozoários, fungos, células tumorais, etc. Adquirida significa que não é congênita, ou seja, o indivíduo não nasceu com a imunodeficiência.

O HIV pode ser transmitido através do sangue, sêmen, da secreção vaginal e do leite materno. As formas de contaminação nas crianças, de uma forma geral, é através da mãe infectada durante a gestação, o parto ou a amamentação. Também se pode transmitir pelo uso da mesma seringa ou agulha contaminada por mais de uma pessoa, ou pela transfusão de sangue contaminado com o HIV. Outra via é o uso de Instrumentos que furam ou cortam, não esterilizados.

Marisol Nuevo. Redatora de Guiainfantil.com

Doenças mais comuns em bebês de 0 a 1 ano

Doenças mais comuns em bebês de 0 a 1 ano

Durante o primeiro ano de vida, as doenças do bebê são frequentes e algumas vezes, perigosas. É muito importante consultar o pediatra quando tivermos dúvidas sobre o estado do bebê. Se o bebê apresentar febre é recomendado procurar atendimento hospitalar.

O dilema da circuncisão infantil

O dilema da circuncisão infantil

A circuncisão é uma operação que consiste em cortar o prepúcio que protege a glande do pênis. Todos os bebês do mundo nascem com fimose. Diferentes estudos têm demonstrado que evita infecções do trato urinário e reduz a transmissão de certas doenças de transmissão sexual, entre elas a AIDS.

Doenças infantis de transmissão hereditária

Doenças infantis de transmissão hereditária

Infelizmente, existem muitas doenças que podem passar de pais para filhos. As doenças podem depender de múltiplos fatores, como a alimentação, o estilo de vida ou os cuidados que damos ao nosso corpo, mas também existe a incerteza da genética.

10 doenças raras que afetam crianças

10 doenças raras que afetam crianças

O que são as doenças raras? Trata-se daquelas que têm uma baixa incidência na população, ou seja, que afetam a um número limitado de pessoas. Considera-se rara uma doença quando afeta menos de 5 em cada 10.000 habitantes.

0 comentarios

Ad