Um enxoval básico para o bebê

Como preparar um enxoval básico para o recém-nascido

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Preparar o enxoval do bebê que está para nascer é um prazer para muitas futuras mamães que esperam com muito desejo o momento do parto. Atualmente, existe uma oferta muito grande de produtos relacionados com o cuidado dos bebês, por isso os pais devem colocar limites nas suas compras para não cair na tentação de adquirir mais do que o necessário. Antes de ir às compras é conveniente fazer uma lista do que realmente o bebê vai precisar, principalmente nos seus primeiros meses de vida.

Um enxoval básico para o bebê recém-nascido

um-enxoval-básico-para-o-bebê A

Para evitar compras desnecessárias, que acabam sendo o motivo do acúmulo de objetos que não usamos em casa, o melhor é preparar o enxoval do bebê com critério, levando em conta aquilo que vão nos presentear e o que nossos irmãos e amigos vão nos deixar. Cair na tentação de comprar mais do que o necessário é fácil, mas pouco prático. Com estes conselhos você poderá preparar um enxoval básico para o seu bebê.

- 2 jogos de toalhas, preferivelmente roupões de banho com capuz

- 3 ou 4 macacões com pés 

- 2 mantas e uma coberta

- 2 suéteres leves  

- 2 calças com pés

- 2 gorros 

- 3 pares de meias 

- 3 botinhas ou sapatinhos de crochê, de algodão ou de lã

- 5 a 7 camisetas 100% algodão 

- 6 bodies 

- 4 dezenas de fraldas para recém-nascido

- 4 conjuntos de roupa de passeio

- 1 abrigo para lugares muito frios

Conselhos para comprar a roupa do bebê

Na hora de comprar a roupinha para o bebê é recomendável levar em conta alguns conselhos: 

- Compre, pelo menos, um tamanho maior. Os bebês crescem muito rapidamente, sobretudo durante o primeiro ano, e isso evitará que a roupa fique pequena em pouco tempo. Melhor que usem roupas folgadas do que justas. 

- Compre roupa, preferivelmente de algodão, para evitar possíveis alergias ou eczemas na pele do bebê.

- Compre pijaminhas e macacões que tenham abertura entre as pernas do bebê. São mais cômodos na hora de trocar fraldas do pequeno.

- Preste atenção nas etiquetas que a roupa tem para saber o tipo de lavagem ou saponáceo que deverá ser usado.

- Compre sapatos duros somente quando o bebê começar a ficar em pé. Antes ele pode usar sapatinhos de crochê ou calçados bem leves, que são mais cômodos.

Decore o quarto do seu bebê 

A decoração do quarto do bebê requer combinar com o gosto pelas cores, os móveis e os complementos. Convém pensar em combinar cortinas, edredons, persianas, tapetes e colchas, com a cor do chão e da parede e com o estilo dos móveis (moisés, berço, trocador de fraldas, luminárias diretas e indiretas, quadros).

Atualmente existe uma grande variedade de estilos para decorar o quarto do seu filho, assim como inúmeras tendências da moda. No entanto, recomendamos a simplicidade e as cores claras, que se adaptam melhor às características de serenidade e calma que o bebê necessita após o seu nascimento.

Os artigos de passeio e transporte (cadeirinha do carro, bolsa para passeio, carrinho do bebê, protetor para a chuva, etc.) devem ser de boa qualidade. Deixando de lado os gostos e cores, escolha um carrinho duradouro que não se quebre com as constantes batidas ao introduzi-lo no carro e seja fácil, simples de manejar e seguro quando o seu bebê utilizar.

Com os utensílios para a alimentação como as mamadeiras, babadores, chupetas é importante considerar sua forma ergonômica e adaptada sempre à idade do bebê. E não podemos nos esquecer os produtos de higiene como os pentes, esponjas, cremes, colônias, tesourinhas, etc. A suavidade e delicadeza andam lado a lado com o bom gosto. 

É aconselhável, principalmente para os pais de primeira viagem, consultar outros pais com mais experiência no assunto. As doações, assim como as heranças familiares, também são importantes e muito oportunas, principalmente para aliviar os gastos dos pais.