Quando o bebê não quer ficar no carrinho de passeio

O que fazer quando o bebê só quer ficar fora do carrinho de passeio?

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Existem bebês muito tranquilos e pacíficos que podem estar bons momentos sentados no carrinho de passeio e nunca protestam. Eles ficam entretidos olhando o que acontece ao seu redor e não sentem a necessidade de que os tirem do carrinho. 

Outros bebês, por outro lado, acontece o oposto. Eles não gostam nada do carrinho de passeio, tão pouco da cadeirinha do carro, nem da cadeirinha da papinha ou da rede. Logo começam a chorar para que o papai ou mamãe lhe peguem nos braços.

O seu bebê não gosta do carrinho de passeio?

quando-o-bebê-não-quer-ficar-no-carrinho A 

Eu já estive neste último caso. Eu deixava o meu bebê na cadeirinha da papinha para poder preparar sua comida e nem tinha me afastado um passo e ele começava a chorar para que eu o pegasse nos braços. Era complicado poder fazer qualquer atividade porque ele não queria outra coisa senão os meus braços.

Não tive outra saída que aguçar a minha genialidade, e eu direi os truques que eu coloco em prática para que o bebê aguente um pouco mais no carrinho e nossas costas, ombros e cervicais não sofram as consequências em ter que carregar o bebê sempre nos braços. 

- Ao sair de passeio você pode ir por lugares que captem a sua atenção. Colocar o carrinho olhando para diante para que possa ir vendo tudo o que acontece e não somente o seu rosto. Se depois de algum momento ele se cansa, você pode passá-lo à mochila para carregar o bebê para que mude de posição ou parar num banco de uma praça e brincar um pouco com ele fora do carrinho.

- Também ajude a dar a ele um pedacinho de pão ou um biscoito, se já estiver na idade para isso, para que esteja entretido durante um momento. 

- Dar-lhe a chupeta pode acalmá-lo. 

- Levar o seu boneco favorito ou um brinquedo que ele fica entretido e adora, pode ser muito eficaz. 

- Em casa, se ele não tolera ou a cadeirinha da papinha ou o carrinho, você pode estender um tapete com brinquedos no chão e colocá-lo sobre ele, seja sentado ou de boca para baixo, de acordo com as suas habilidades e colocar brinquedos ao seu alcance para se entreter. Assim, ele não se sentirá tão preso. 

- No carro a gente não pode relaxar na hora de colocá-lo sentado quando começa a chorar. Temos que nos assegurar que o cinto está bem firme e bem agarrado à cadeira, e esta ao carro. Você pode colocar um CD de música infantil, tentar realizar trajetos curtos e ter à mão algum brinquedo que o entretenha. 

E, se nenhum desses truques funciona para você, só te resta pedir a Deus uma dose extra de paciência. 

Alba Caraballo
Editora de GuiaInfantil.com