Crianças narcisistas ou com excesso de autoestima

Consequências da supervalorização na infância

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Uma criança narcisista não nasce, ela se torna, e a culpa é dos pais. Uma criança se torna narcisista quando tenha recebido uma supervalorização na infância por parte dos pais ou dos adultos que fazem parte do seu meio. Os pais podem valorizar o seu filho com toda a boa intenção para conseguir aumentar a sua autoestima, mas quando isso é feito de uma forma desmedida, então a autoestima parece que se ‘incha’ demasiadamente e se torna tóxica para o pequeno. 

O que acontece quando os pais supervalorizam as crianças em excesso

crianças-narcisistas-ou-com-excesso-autoestima A

Se você quiser evitar ter filhos narcisistas, você terá que evitar supervalorizações em excesso. Este é o segredo. Supervalorizar nada tem a vê com apoiar, guiar ou motivar. Supervalorizar é dizer aos filhos que faz as coisas maravilhosamente, ainda que não seja assim. Quando dizem que são os melhores e que estão acima dos demais, quando na verdade não é bem assim. Isso não fará que as crianças sejam mais inteligentes ou se esforcem mais, pelo contrário. 

Uma criança que tenha recebido demasiada supervalorização na infância, o mais provável é que se torne preguiçosa, porque ‘como tudo o que faço está bem, não preciso me esforçar, que outras pessoas o façam por mim’. Pensarão que são seres superiores e inclusive pode haver o perigo de que se tornem crianças tiranas

A realidade é que quando uma criança é demasiadamente supervalorizada não significa que tenha uma autoestima melhor. A autoestima nada tem a ver aqui. Ainda que pareça que a autoestima esteja inchada, o que aumenta é o ego e o narcisismo. Para que uma criança tenha uma boa autoestima necessitará tranquilidade emocional dos pais e grandes doses de realidade, quando se não for a melhor, tudo bem e sabe que o esforço é o melhor caminho.

Uma criança que tenha se convertido em narcisista pensará que merece um tratamento melhor, que é especial e que tudo de melhor é para ela. Isso, pouco a pouco irá convertendo a criança em uma narcisista com as seguintes consequências: 

- Se converterá em uma criança tirana.

- Não saberá respeitar as normas nem os limites.

- Não respeitará as pessoas. 

- Não terá empatia com os demais nem saberá se colocar no lugar do outro.

- Pensará que o caminho do esforço é absurdo, que os demais façam suas obrigações porque ‘ela o merece’. 

- Terá problemas para se relacionar porque a humildade e honestidade brilharão por sua ausência.

- Serão crianças com pouca autoestima e demasiado ego.

- Terão uma visão da realidade totalmente distorcida onde eles são o centro do universo. 

Como você vê, as consequências de supervalorizar aos filhos são demasiadamente negativas, por isso mesmo, a melhor coisa é valorizar as crianças em comportamento e em atitude.