5 conselhos para que as crianças aprendam a tolerar a frustração

Dicas para ensinar a criança a administrar a frustração

Vilma Medina

Vilma Medina

Tolerar a frustração é aceitar que as coisas nem sempre saem como se gostaria e controlar toda essa raiva e chateação para transformá-lo em esforço e seguir adiante. É um excelente aprendizado para as crianças desde bem pequenos. 

Para consegui-lo, os pais devem ensinar aos filhos a canalizarem toda essa raiva e frustração. A psicóloga Silvia Álava nos dá 5 dicas muito úteis que os pais podem aplicar para ensinar as crianças tolerarem a frustração

Como aprender a administrar a frustração na infância

5-conselhos-para-que-as-crianças-aprendam-a-tolerar A 

1. Ser um exemplo: o adulto é o modelo que a criança segue. Se os adultos dão mostras de frustração ou se deixam levar pelo enfado e a ira quando as coisas não saem como gostariam, as crianças copiarão o seu comportamento. É importante transformar a raiva pelo esforço em se conseguir o que queremos. 

2. Trabalhar a constância, o esforço e a rotina: para que as crianças aprendam a se esforçar os pais podem ajudar incentivando-as a praticarem atividades que impliquem em realizar esse esforço, como algum esporte. Melhor ainda se esse esporte for de equipe porque, além disso, se trabalham outras habilidades. 

3. Não dar bola quando a criança estiver chateada: se a criança grita, chora e tem um ataque, os pais têm que aplicar o que os psicólogos chamam de ‘extinção’, ou seja, a criança tem que enxergar que não consegue o seu objetivo com essa atitude. Não faremos caso quando a criança tem esse comportamento, só iremos falar a respeito quando ela estiver mais calma. 

4. Não dramatizar: se algo saiu mal com a criança e lhe dermos uma carga emocional muito forte, ela se frustrará. Se a criança se equivoca, a gente aceita, reconhece e ajudamos a consertar o erro. Utilizamos toda nossa energia em melhorar o que se tem feito mal é mais construtivo do que ficarmos dramatizando sobre o fato. 

5. Ensiná-las a esperar: para ensinar uma criança a ser paciente podemos fazer pequenas coisas rotineiras como fazer-lhe esperar em situações cotidianas, como não atendê-la imediatamente quando nos chama ou esperar até que tudo esteja pronto. Iremos aumentando o tempo de espera à medida que a criança cresça e esteja preparada. 

Silvia Álava Sordo

Psicóloga

Como as crianças podem superar a frustração

Como as crianças podem superar a frustração

A frustração não é ruim para as crianças nem prá ninguém. Pelo contrário, ajuda a criança a se dar conta de que tudo bem não alcançar nosso objetivo na primeira tentativa. A criança poderá tentar uma, duas, três vezes. Incentive ao seu filho a não desistir na primeira tentativa. Como fazê-la entender que ela não conseguirá tudo o que quer ou deseja.

A Síndrome do Imperador ou de crianças mandonas

A Síndrome do Imperador ou de crianças mandonas

A Síndrome do Imperador é um fenômeno em crescimento na nossa sociedade moderna, essa sociedade do bem estar que tem como um dos seus efeitos secundários o aumento de crianças e adolescentes emocionalmente frágeis. Crianças e adolescentes que desenvolvem transtornos de conduta, como este, incapazes de tolerar a frustração, rebeldes, impulsivas e explosivas.

10 conselhos para ajudar crianças envergonhadas

10 conselhos para ajudar crianças envergonhadas

A vergonha faz com que as crianças sintam raiva, frustração, tristeza ao se depararem em uma situação que os incomodam quando acreditam que os outros as estão julgando e avaliando. A gente te conta o que os pais podem fazer para ajudar as crianças a superarem a timidez.

Como educar crianças caprichosas

Como educar crianças caprichosas

Uma criança caprichosa é uma criança que quer e exige as coisas porque sempre consegue o que quer. Se uma criança depois de um ataque ou uma birra consegue o que quer, algo está errado na sua educação e no comportamento dos seus pais. Uma criança caprichosa será invejosa, ciumenta e exigirá coisas seja o que for.

5 idéias para que as crianças aprendam a ser pacientes

5 idéias para que as crianças aprendam a ser pacientes

A paciência ou a capacidade de esperar é um valor que pode e deve ser ensinado desde a primeira infância. A paciência é uma virtude e uma habilidade que ajudará as crianças a conviverem adequadamente com as demais, a ter calma, evitar o nervosismo, agonias e impulsividade, entre outras coisas.

Como saber se o nosso filho tem tolerância à frustração

Como saber se o nosso filho tem tolerância à frustração

As crianças custam a aceitar que as coisas nem sempre saiam como elas querem. No entanto, na infância a criança tem que aprender a administrar as emoções negativas que as mudanças de plano ou os erros cometidos possam provocar.

0 comentarios