Como a Chikungunya afeta crianças e grávidas

O que é a Chikungunya e as suas consequências na gestação e na infância

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A Chikungunya é uma doença viral que é transmitida pelo mosquito (fêmea) Aedes aegypti e o Aedes Albopictus através da sua picada. O nome da doença provém da língua africana ‘makonde’ e significa ‘dobrar-se de dor’ em relação à postura que pode ter os pacientes que a sofrem. 

Ainda que seja mais comum na África, Ásia e no Subcontinente indiano, a doença tem se propagado pela Europa. Mas, quais são os sintomas dessa doença? Como a Chikungunya afeta a crianças e gestantes? 

Os 6 sintomas mais comuns da chikungunya

como-a-chikungunya-afeta-crianças-grávidas A

1. Aparecimento súbito de febre muito alta. 

2. Dolores articulares e musculares muito fortes que impede que as pessoas consigam andar ou até mesmo se sentar. 

3. Dor de cabeça.

4. Náuseas. 

5. Cansaço extremo. 

6. Erupções cutâneas. 

Algumas vezes, ainda que não seja frequente, podem aparecer problemas oculares, neurológicos e cardíacos, provocando complicações maiores e inclusive a morte em casos muito isolados. 

Como a Chikungunya afeta crianças e gestantes 

As pessoas que podem sofrer as piores consequências se contraírem a Chikungunya são as gestantes, os bebês e as crianças pequenas, os idosos com mais de 65 anos que sofrem de doenças crônicas. Por isso, diante da mínima suspeita de sofrer pela ação do vírus é bom procurar logo atendimento médico. 

Se uma mulher grávida é contagiada pelo vírus Chikungunya, ela não transmite a doença ao bebê, salvo que se encontre nos dias prévios ou no momento do parto e pode, nesse caso, infectar ao recém-nascido. Segundo os especialistas o vírus não é transmitido pelo leite materno. 

À diferença da dengue, que também é transmitida pelo Aedes aegypti, a Chikungunya provoca febre mais alta e maiores dores articulares, e quem já sofreu dessa doença gera anticorpos que a protegem por toda da vida contra essa doença. Com frequência, a Chikungunya passa despercebida ou é diagnosticada como gripe comum, ou é confundida com a dengue, ainda que um exame específico possa confirmar o seu diagnóstico. 

Tratamento da Chikungunya em crianças e grávidas

O período de incubação dessa doença pode durar entre 4 e 8 dias desde que sofremos a picada do mosquito infectado. Os sintomas podem durar até duas semanas, ainda que em alguns casos as dores articulares e musculares podem durar vários meses e inclusive anos. 

Atualmente não existe nenhuma vacina nem tratamento contra o vírus Chikungunya. Se contrairmos a doença a gente pode aliviar os seus sintomas com as seguintes medidas: 

- Repousar, já que o vírus faz com que a pessoa sinta cansaço extremo. 

- Beber muito líquido para evitar a desidratação. 

- Tomar analgésicos para aliviar a dor que o vírus causa, sobretudo nas articulações e nos músculos. T

- Utilizar antitérmicos para combater a febre alta que causa a doença. 

5 medidas para prevenir o contágio da Chikungunya

1. Usar roupa comprida que evite a exposição da pele.

2. Utilizar repelentes tanto na pele como na roupa.  

3. Utilizar telas protetoras nas janelas e mosquiteiros nos carrinhos do bebê e no berço. 

4. Evitar colônias e perfumes que atraem aos mosquitos. 

5. No caso de ser contagiado é importante isolar a pessoa. Não porque possa contagiar o vírus diretamente, mas para evitar que outro mosquito a pique e este se infecte e propague a Chikungunya picando outras pessoas. 

Cristina González Hernando

Redatora de Guiainfantil.com