Remédios caseiros contra a prisão de ventre em crianças

7 dicas tradicionais para conseguir que a criança evacue

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A prisão de ventre é a dificuldade que uma pessoa tem para evacuar. É um transtorno muito comum em bebê, já que os movimentos do intestino e o relaxamento do esfíncter ainda não amadureceu o suficiente. O bebê pode se mostrar incômodo e irritável se estiver com prisão de ventre, mas como sua alimentação se compõe exclusivamente de leite materno ou artificial, não são aplicáveis certas receitas caseiras à base de fibra ou frutas. No entanto, a partir dos 2 ou 3 anos, se o seu filho ou filha estiver com prisão de ventre, você pode recorrer aos remédios naturais para aliviá-lo e conseguir que evacue.  

Remédios da vovó para aliviar a prisão de ventre

1. Pode fazer massagem na barriga da criança realizando movimentos circulares no sentido dos ponteiros do relógio (sentido horário). Além disso, a criança ficará aliviada se a prisão de ventre for acompanhada de dor de barriga

2. Beber um copo de água morna e depois dar à criança um desjejum que inclua cereais integrais e fruta fresca. 

3. Dar à criança o suco de duas laranjas antes de tomar seu café da manhã habitual. Outras frutas podem ajudá-la a aliviar a prisão de ventre quando tomadas na primeira hora da manhã: framboesas, uvas, ameixas ou kiwi. 

4. Um dos remédios naturais mais eficazes é ter uma dieta diária rica em verduras e fibra. 

5. A dieta por si mesma não faz milagres, por isso é muito importante se assegurar que a criança pratica algum exercício físico todos os dias. 

6. Beber muita água: aumentar a quantidade de água que a criança bebe diariamente, preferivelmente mineral. 

7. Ensinar a criança a ter uma rotina de ir ao banheiro. Sente a criança por um momento no urinol ou na privada e ensine-a a postura correta que deve adotar. Deve lembrá-la que deve ir sempre que sentir vontade e não ficar brincando ou ficar realizando qualquer outra atividade. 

No caso de ter uma dieta rica em fibra e tendo uma atividade física moderada, e a criança ainda não consiga ir ao banheiro por si mesma, convém visitar o pediatra para que ele possa receitar algum laxante para ajudar a criança em momentos pontuais. No entanto, se tomar laxante por muito tempo, pode se converter num intestino preguiçoso, por isso, acostumar a criança a evacuar por si mesma é a melhor terapia. 

Alba Caraballo

Editora de GuiaInfantil.com