Dieta sem glúten para crianças e bebês celíacos

Que tipo de alimentação devem seguir as crianças con intolerancia ao glúten?

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A dieta sem glúten deve ser seguida pelo doente celíaco por toda a vida. A dieta sem glúten deve iniciar-se depois de haver sido realizada uma biopsia intestinal e que se demonstre que existe, sem dúvida, a intolerância ao glúten.

A dieta deve ser seguida estritamente durante toda a vida, eliminando qualquer produto que contenha glúten. Quais sao os alimentos que uma criança celíaca não pode nem deve comer?

Alimentos que uma criança celíaca NÃO pode comer

Dieta para bebês e crianças celíacas

Pão, trigo, aveia, cevada, centeio, produtos derivados como o amido, farinha, pães, massas, bolos, pastéis, tortas, biscoitos, sêmola de trigo, leites e bebidas malteadas e bebidas destiladas ou fermentadas a partir de cereais.

O que uma criança celíaca pode comer porque não contém glúten:

Farinhas e Féculas  ( Cereais, Tubérculos e seus sub-produtos, que encontramos em forma de pó.

As mais indicadas:   Arroz, Batata, Milho e Mandioca.

Arroz = farinha de arroz, creme de arroz, arrozina,  arroz integral em pó e seus derivados. 

O creme de arroz não é um creme ou pasta, e sim um pó.

Milho = fubá, farinha, amido de milho ( maisena ), flocos, canjica e pipoca.  

Batata = fécula ou farinha. 

Mandioca ou Aipim =  fécula ou farinha, como a tapioca,  polvilho doce ou azedo. 

Macarrão de cereais = arroz,  milho e mandioca.

Cará,  Inhame,  Araruta, Sagú, Trigo sarraceno

Bebidas para crianças celíacas

Sucos de frutas e vegetais naturais

Refrigerantes

Chás. 

Leites e derivados para celíacos

Leite em pó, esterilizados ( caixas tetrapack )

Leites integrais, desnatados e semi  desnatados

Leite condensado

Cremes de leite

Yacult.

Queijos frescos, tipo minas, ricota, parmesão

Pães de queijo

Importante: Para iogurte e requeijão, verifique observações nas embalagens.

Açúcares / Doces / Achocolatados para celíacos

Açúcar de cana

Mel, melado e rapadura

Glucose de milho, malto-dextrina, dextrose, glicose

Geléias de fruta e de mocotó

Doces e sorvetes caseiros preparados com alimentos permitidos

Achocolatados de cacau, balas e caramelos.

Carnes para celíacos

Todas, incluindo presunto e lingüiça caseira

Gorduras e óleos para celíacos

Manteiga ou margarina

Banha de porco

Gordura vegetal hidrogenada

Óleos vegetais e azeite

Grãos para celíacos

Feijão e broto de feijão

Ervilha seca

Lentilha

Amendoim

Grão de bico

Soja ( extrato protéico de soja, extrato hidrossolúvel de soja ).

Hortaliças para celíacos

Legumes e verduras: Todas

Condimentos para celíacos

Sal, pimenta, cheiro-verde, erva, temperos caseiros, maionese caseira, vinagre fermentado de vinhos tinto e de arroz, glutamato monossódico (Ajinomoto).

Cuidados e precauções na dieta sem glúten

A dieta de glúten toma tempo para ajustar-se e acoplar-se a ela. Não há outro remédio que assumir esse compromisso por toda vida. É natural lamentar-se por curto tempo dos velhos hábitos de comida. Mas tudo é uma questão de tempo para que se possa acostumar à nova forma de comer. Melhor pensar só no satisfatório, que é gozar de uma boa saúde.

Ao adquirir produtos fabricados, deve-se comprovar sempre seus ingredientes. Como norma geral, deve-se comprovar sempre seus ingredientes. Como regra geral, deve-se eliminar da dieta todos os produtos a granel, os elaborados artesanalmente, e os que estejam etiquetados ou não levem a lista dos seus ingredientes. A manipulação dos alimentos se converterá em um hábito. Nos restaurantes, deve-se ter precaução do que se consome. Alimentos fritos podem levar levedura, e as batatas podem ser fritas com o mesmo óleo em que tenha fritado croquetes ou outro tipo de empanados. São raras as escolas que oferecem menús especialmente preparados para crianças celíacas.

Nas casas em que haja criança celíaca, recomenda-se eliminar farinha de trigo e farinha de rosca, e utilizar ingredientes sem glúten para cobrir bifes, frangos, etc. Se houver dúvidas se um produto contém ou não glúten, melhor não consumí-lo.