Os pais devem ensinar como a criança deve assistir televisão

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Ver televisão não é ruim para as crianças. O ruim é deixá-las horas e horas em frente à TV sem se importar o que elas estão assistindo na tela. O ruim é não planejar o tempo nem o conteúdo a que as crianças estão expostas diante da televisão. 

A televisão não é uma babá nem responsável pelos seus filhos. A televisão é um meio que tanto pode educar como distrair e divertir aos nossos filhos, desde que tenha um limite. 

Controlar o que as crianças assistem na televisão

os-pais-devem-ensinar-criança-assistir-televisão A

Antes que o seu filho comece a assistir televisão, e de acordo com algumas pesquisas não deve ser antes dos 2 ou 3 anos de idade, é necessário planejar o tempo e o programa que ele poderá assistir para evitar o que revela alguns estudos. A criança deve ser orientada e que os pais tenham o controle para que não assista cenas de violência, sexo e acabe se tornando uma criança sedentária e obesa e que acabe deixando os estudos de lado. É importantíssimo que, como pais, a gente ajude aos nossos filhos a usar a televisão como um recurso positivo e criativo. 

Seguem algumas idéias para controlar como e por quanto tempo as crianças assistam à televisão

1 – Limitar o tempo da criança em frente à televisão. É necessário estabelecer a quantidade de tempo e a hora em que as crianças possam ver televisão. Os pesquisadores insistem que uma hora por dia é suficiente. Nos finais de semana é possível aumentar um pouquinho mais de tempo.

2 – Ser um exemplo para as crianças. As crianças modelam o seu comportamento se baseando no exemplo dos pais. Assim que os pais devem ter muito cuidado com o que assistem na telinha. 

3 – Controlar o que as crianças assistem na televisão. O ideal é escolher um programa, uma série, um desenho animado ou o que seja interessante e adequado para as crianças, para que elas tenham o hábito de ver o mesmo programa todos os dias. Nos finais de semana, as crianças podem ver algo diferente, novo e por mais tempo.

4 – Acompanhar as crianças em frente à televisão. O tempo em que as crianças estão em frente da televisão é ouro para os pais. É um tempo que os pais usam para fazer outras coisas que não podem fazê-las sem as crianças. Não é ruim, mas, no entanto, é necessário vigiar se a criança não muda de canal ou se começa a ver outro programa. É necessário acompanhá-las.

5 – Falar com as crianças sobre o que assistem na televisão. É necessário acrescentar valores no que elas assistem. Perguntar às crianças sobre o que aprendem quando assistem televisão, do que elas mais gostam e o porquê. E, se possível, oferecer alternativas ou complementos do seu interesse. 

6 – Oferecer alternativas de diversão. Assistir televisão muitas vezes é mais um hábito do que um gosto. Assim que é necessário tirar a importância da tela sugerindo outras atividades tão ou mais divertidas do que a televisão, como um bom livro, contos, canções infantis, jogos em casa, brincadeiras no parque, trabalhos manuais, etc. Ver televisão não é tudo. 

7 – Vigie e corrija a postura das crianças em frente à televisão. As crianças podem ver televisão deitadas, sentadas, mas às vezes a postura mais cômoda não seja a mais correta nem a mais adequada para as suas costas. Assim que, atenção à postura do seu filho! 

Vilma Medina

Diretora de GuiaInfantil.com