O perigo que o bebê durma na cadeirinha do carro

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Deixar que o bebê durma na cadeirinha do carro ou na de passeio sem supervisão é muito perigoso. Esse conselho pode parecer chocante, exagerado ou alarmista. No entanto, tem uma explicação. 

O bebê Shepard Dodd de Oklahoma, Estados Unidos, morreu em 2015 depois de dormir na sua cadeirinha. A posição da cabeça comprometeu o ar que entrava pelas suas vias respiratórias e lhe causou asfixia. Desde o trágico acontecimento, os seus pais não cessam em tentar conscientizar aos outros pais sobre a sua experiência.

Por que devemos vigiar ao bebê quando dorme na cadeirinha

o-perigo-que-o-bebê-durma-cadeirinha A 

O lugar mais adequado para que um bebê durma é o berço. Isto é senso comum. No entanto, os bebês não passam todo o tempo no berço. Estão nos braços dos seus pais, na cadeirinha de passeio ou na do carro, onde inevitavelmente dão um cochilo. 

Não se trata de evitar que durmam se tiver sono, algo que só traria estresse ao bebê e um esgotamento desnecessário, mas simplesmente vigiar o seu sono. O bebê não tem controle da sua cabeça, sobretudo nas primeiras semanas de vida, por isso, se não estiver bem colocado, ou o movimento do carro o faz mudar de posição é possível que a cabeça caia para frente e as vias respiratórias sejam bloqueadas produzindo asfixia. É o que se conhece como asfixia posicional (ou postural). 

Quando colocamos um bebê na cadeirinha, seja na do carro ou na do passeio, a gente tem que vigiar sua posição e colocar bem as correias e cintos. Do contrário, o seu corpo poderia flexionar-se demasiadamente sobre si mesmo, porque o tórax e o abdômen ficam comprimidos. E se quando o bebê dorme a sua cabeça cai para frente, a dificuldade para respirar é ainda maior, impedindo que respire. Se os pais não estiverem atentos e não corrigirem a posição existe perigo de morte

Vários estudos asseguram que o nível de saturação de oxigênio baixa quando o bebê está sentado na cadeirinha. Por isso, recomenda-se não exceder o tempo que o menor estiver em posição sentado, sobretudo quando ainda não controla o seu corpo. 

Recomendações de segurança para o uso das cadeirinhas de carro com bebês 

- Prender corretamente o bebê na cadeira, sem deixar os cintos folgados, nem sequer quando o deixamos em casa na sua cadeirinha para não despertá-lo, já que o bebê pode se movimentar e sua respiração ficar comprometida. 

- Nunca deixá-los sem supervisão. Temos que estar atentos tanto no carro se formos à passeio ou estivermos em casa, que a sua cabeça esteja colocada corretamente e não caída adiante impedindo-lhe de respirar corretamente. 

- Limitar o uso das cadeirinhas de carro para as viagens em rodovias, sobretudo com recém-nascidos. 

- Não usar as cadeirinhas de carro durante períodos muito longos e se o fizermos numa viagem de carro, parar para que a criança possa recuperar a postura e se oxigenar. Toda atenção é pouca. 

- As cadeirinhas não servem para que os bebês durmam.

Alba Caraballo

Editora de GuiaInfantil.com