O zika vírus pode ser transmitido através das relações sexuais

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

O zika vírus é transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti e, ainda que seus sintomas não sejam muito graves em geral (febre, dores musculares e nas articulações ou erupções cutâneas), ele pode ser muito perigoso em gestantes, já que está relacionado com casos de microcefalia em bebês nascidos de mulheres infectadas pelo vírus durante a gestação. 

Como a mulher pode se contagiar com o vírus? A principal via de propagação é pela picada de um mosquito portador do vírus, ainda que também possa se propagar através do sangue contaminado, por isso o contágio através das relações sexuais também é possível. 

O zika vírus pode ser transmitido através do esperma

o-zika-vírus-pode-ser-transmitido-relações-sexuais A 

O que é o zika vírus? É a pergunta que milhares de pessoas fazem há alguns meses, já que não se falava desse vírus há muito tempo. Ele ficou praticamente no anonimato desde 1947 quando se detectou pela primeira vez nos bosques de Uganda que levam o seu nome. 

As áreas do planeta onde mais casos de infecção estão no Brasil, Guatemala, El Salvador, México ou Chile. No entanto, espera-se que em breve se estenda a outros países. 

Ainda que a principal via de contágio seja ao receber a picada do mosquito portador do vírus, também é possível que se transmita por via sexual. O zika vírus é transmitido através das relações sexuais sem proteção e já foi comprovado que o vírus permanece durante mais tempo no esperma do que no resto do corpo. 

Em 2011 a revista ‘Emerging Infectious Diseases’ publicou o caso de um cientista americano que tinha regressado aos Estados Unidos, vindo do Senegal, afetado pelo zika vírus. Sua esposa que nunca tinha saído do país também ficou infectada por isso os pesquisadores indicaram uma possível transmissão sexual. 

Outras vias de contágio podem ser por transfusão de sangue contaminado ou por via perinatal, ou seja, da mãe para o bebê durante a gravidez. 

Devido a que todas as informações sobre o zika vírus sejam recentes, as autoridades de saúde estão recomendando que extremar as precauções, principalmente as mulheres grávidas ou que buscam uma gravidez. Estas precauções passam em utilizar preservativo nas relações sexuais, postergar as gravidezes no momento e inclusive não viajar para países com alta incidência do zika vírus, grande causador, dentre outras coisas da microcefalia em bebês

Alba Caraballo

Editora de GuiaInfantil.com