Deixe de fumar pela saúde dos seus filhos

Vilma Medina

Vilma Medina

Já estamos mais que acostumados a ouvir sobre leis antifumo, seja em ambientes fechados, em algumas empresas e repartições. Qual fumante nunca se questionou sobre o desejo de parar de fumar, principalmente quando são pais de crianças pequenas. Fumar não é uma doença, é um vício que pode trazer sérias consequências à saúde dos pais e também dos filhos. Parar de fumar exige um esforço por parte dos fumantes. Os filhos podem ser um bom pretexto para que os pais deixem de fumar

Crianças expostas à fumaça do cigarro

Parar de fumar pela saúde dos filhos

'Se na presença dos meus filhos não posso fumar, nem no carro e agora tão pouco posso fazê-lo enquanto tomo um café, nem na minha empresa, o que vou fazer? É o que perguntava uma companheira num encontro matinal diante de uma máquina de café. 

Desde 1996, o Brasil conta com uma lei federal número 9.294 que restringe o uso e a propaganda de produtos derivados do tabaco em locais coletivos, públicos ou privados,  com exceção dos famosos ‘fumódromos’, cada vez mais escassos.

A proibição de fumar em lugares públicos vai a favor da saúde e em detrimento da economia. Se você é pai e ainda não decidiu parar de fumar, não despreze os resultados de um estudo alemão que comprovam que crianças cujos pais são fumantes têm pressão arterial mais alta. 

Uma pesquisa feita por um grupo de pesquisadores da Universidade de Heidlberg na Alemanha e do Hospital Pediátrico de Berna, na Suíça, com meninos e meninas de 5 a 6 anos de idade, e com um ou ambos os pais fumantes, revelou que as crianças expostas à fumaça do cigarro em casa têm mais probabilidade de ter pressão alta. Que consequências você acha que tem essa subida de pressão arterial sobre a saúde dos seus filhos? Fundamentalmente, um maior risco de sofrer na idade adulta de doenças do sistema circulatório como ataques cardíacos ou infartos, que podem colocar sua vida em risco. O aumento mais significativo foi o correspondente à pressão arterial sistólica, a alta, que é aumentada nas crianças numa média de 1,0 milímetros de mercúrio (mm Hg), enquanto a pressão diastólica, a baixa, apresenta 0,5 mm a mais. 

Expor as crianças à fumaça do cigarro é prejudicial para todos e os pais fumantes devem estar conscientes de que o fumo não prejudica somente a eles. Os problemas que as crianças podem ter no futuro devido ao vício do cigarro dos seus pais é uma questão de solidariedade e responsabilidade. Além dos problemas circulatórios mencionados, sempre é bom relembrar do maior risco de infecções, asma, e problemas respiratórios que as crianças são expostas. O estudo também aponta que, mesmo que a mostra de mulheres fumantes era menor que os pais, elas tinham um efeito maior sobre seus filhos porque passavam mais tempo com eles em casa. 

Por isso, pare de fumar pelos teus filhos

Marisol Nuevo. Redatora

Fumar durante a gravidez

Fumar durante a gravidez

O cigarro durante a gravidez. O cigarro não só causa danos a quem fuma, mas também a quem está ao seu lado e no caso da gestante, ao feto que estará se formando e crescendo no seu ventre. Fumar e expor às crianças a problemas de saúde é um ato extremamente egoísta.

Uma em cada duas crianças é fumadora passiva

Uma em cada duas crianças é fumadora passiva

Uma de cada duas crianças é fumadora passiva por conviver com pais fumantes e apresentam até quatro vezes mais doenças respiratórias que os menores que não estão expostos à fumaça do cigarro, além de apresentar outras doenças com maior frequência como a síndrome da morte súbita do lactente. Segundo os médicos, estas crianças podem sofrer de asma, bronquite e de enxaqueca.

As consequências em fumar na gravidez

As consequências em fumar na gravidez

Deixar de fumar não apenas protege ao bebê de algum problema de saúde, mas também pode evitar as complicações durante o parto. Deixar de fumar já está cientificamente comprovado que melhora a saúde da mãe em longo prazo. Continuar fumando mesmo sendo consciente dos riscos para o seu bebê é um ato extremamente egoísta.

Abandone os maus hábitos se você estiver querendo engravidar

Abandone os maus hábitos se você estiver querendo engravidar

Maus hábitos como fumar ou beber álcool devem ser esquecidos, se possível, por completo. Pelo bem da sua saúde e a do seu bebê é melhor que o faça com o apoio e a colaboração do seu companheiro. Qualquer esforço ou mudança que seja realizado pelo bebê deveria ser compartilhado.

0 comentarios