Conselhos para garantir êxito no aleitamento materno

Qual a melhor forma para dar de mamar ao teu bebê

Vilma Medina

Vilma Medina

A experiência do primeiro filho é inesquecível. Após uma longa gravidez, finalmente você tem o seu filho nos braços. Mas, ninguém te avisou das complicações que podem acontecer durante o aleitamento materno. 

A matrona Sara Cañamero nos dá alguns conselhos básicos dirigidos a mães de primeira viagem para que consigam com que o aleitamento materno seja uma experiência prazerosa. 

3 conselhos para a mãe lactante de primeira viagem

Leite materno. Dar de mamar ao bebê 

1. Colocar o recém-nascido para mamar o quanto antes. Em muitos hospitais já apostam no aleitamento precoce. Isso consiste em aproximar o recém-nascido ao peito de sua mãe logo após o nascimento para que se inicie a amamentação o quanto antes. O primeiro instinto do bebê será buscar alimento. O primeiro contato pele a pele entre o bebê e a mamãe favorece o início e o êxito do aleitamento.

2. Após uma cesárea, também se deve tentar ter o bebê próximo. O vínculo favorece o apego e em muitos hospitais tentam evitar a separação entre a mãe e o filho após uma cesárea. 

3. As duas primeiras horas após o parto são chave para garantir o êxito do aleitamento porque o bebê está bem desperto e a mamãe também está muito receptiva. Depois dessas primeiras horas, tanto o bebê como a mãe se mostram cansados. O bebê parecerá sonolento e a mamãe se sentirá esgotada. Por isso, é importante começar com o aleitamento antes que isso aconteça.

Estefanía Esteban
Redatora de GuiaInfantil.com

Devemos exigir mais respeito ao aleitamento materno

Devemos exigir mais respeito ao aleitamento materno

Aleitamento materno. Parece mentira, especialmente nos tempos em que vivemos, que ainda exista tanta pressão contra o aleitamento materno. Eu me refiro à falta de respeito e de apoio que muitas mães sofrem pelo simples fato de ter que dar o peito ao seu bebê em público.

Aleitamento materno: benefícios para o bebê e para a mamãe

Aleitamento materno: benefícios para o bebê e para a mamãe

A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda o aleitamento materno como o melhor alimento para o bebê durante os seus primeiros 6 meses de vida. Inclusive aconselham que a mamãe continue dando o peito, juntamente com a alimentação adequada para a sua idade até os dois anos de idade.

Dar de mamar em público é natural

Dar de mamar em público é natural

O aleitamento materno é uma das experiências mais bonitas que uma mulher pode viver depois de dar a luz. É um instinto natural, que aparece espontaneamente quando tudo vai bem e reconforta tanto a mãe como ao seu bebê.

Como o aumento ou redução da mama afeta no aleitamento materno

Como o aumento ou redução da mama afeta no aleitamento materno

Não são poucas as mulheres que ‘passam pelo bisturi’ para retocar as mamas, tanto para aumentar como para reduzir o tamanho. Hoje vamos desmistificar alguns mitos que ligam a cirurgia das mamas com a amamentação.

O impacto do aleitamento materno sobre o cérebro do bebê

O impacto do aleitamento materno sobre o cérebro do bebê

Já sabíamos que o aleitamento materno é o melhor alimento que a mamãe pode oferecer ao seu bebê, mas, além disso, melhora o desenvolvimento do cérebro nos bebês. Como é possível sabê-lo? Pesquisadores da Universidade de Brown realizaram um estudo utilizando máquinas de ressonância magnética.

Melhorar as práticas do aleitamento materno poderia salvar milhares de vidas

Melhorar as práticas do aleitamento materno poderia salvar milhares de vidas

Existe um produto capaz de salvar a vida de milhares de crianças de países em desenvolvimento. Este produto protege aos bebês contra doenças contra catarros, otites, bronquite, asma ou alergias. Está disponível em qualquer lugar do mundo, por remoto e inacessível que seja, e, além do mais é gratuito.

2 comentarios

  • Helen

    2016-01-27 15:29:27

    Os benefícios físicos do leite maternonpara a mae como para o bebê são excelentes, mas acho que o apêgo é o melhor. Bom artigo. Obrigada!!!!

  • Andrea

    2016-01-27 14:39:42

    2. Após uma cesárea, também se deve tentar ter o bebê próximo. O vínculo favorece o apego e em muitos hospitais tentam evitar a separação entre a mãe e o filho após uma cesárea