Alimentação ideal para crianças com obesidade

O que as crianças devem comer para deixarem de ser obesas

Vilma Medina Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A obesidade infantil é sem dúvida um dos principais problemas da atualidade e está afetando a um grande número de crianças, por isso se faz necessário um tratamento adequado para assim evitar futuras complicações de saúde como o diabetes e garantir um crescimento correto. O que as crianças devem comer e em que quantidade para deixar de serem obesas e chegar ao seu peso ideal? 

No plano de alimentação para o tratamento da obesidade infantil nunca se devem restringir alimentos, já que as crianças se encontram em plena fase de crescimento e uma grande restrição de calorias e de proteínas poderia deter o crescimento das crianças. Com um bom controle na alimentação das crianças e alguns hábitos saudáveis conseguiremos que continuem crescendo, mas sem aumentar de peso. 

O que as crianças com obesidade devem comer

alimentação-ideal-crianças-obesidade A 

É importante dividir as refeições em 4 ou 5 por dia e não pular nenhuma delas para evitar chegar na seguinte com muita fome e em situação de ansiedade. As crianças necessitam de um acréscimo contínuo de energia e nutrientes para poder realizar sem problemas suas atividades físicas e intelectuais e continuar crescendo. Deve-se ter especial cuidado, sobretudo com as quantidades de alimento que oferecemos às crianças. É importante que as rações sejam moderadas e não repetiremos o prato. 

Além de seguir as indicações recomendadas para uma alimentação equilibrada, também se deve levar em conta as seguintes considerações: 

- Os produtos lácteos devem ser desnatados. Contribuem com os mesmos nutrientes que os integrais, mas com uma menor quantidade de gorduras. 

- Molhos. Muitos alimentos como o macarrão e o arroz, podem aumentar o aporte calórico dependendo dos molhos que os acompanham. Não elaborar molhos muito gordurosos. 

- Os produtos light. Têm menos calorias que os seus equivalentes não light, mas isso não quer dizer que não engordem. Controlar o consumo desses alimentos observando as etiquetas nutricionais. 

- Doces. Evitaremos completamente o consumo de bolos industriais, caramelos, doces e biscoitos, que contribuem com uma grande quantidade de calorias e nenhum tipo de nutriente. 

- Evitaremos os embutidos. Alimentos frescos e sem muito condimento ou sódio são mais recomendados na dieta. 

- Frituras ou empanados. As técnicas culinárias que deveremos incentivar são os grelhados e o cozimento a vapor. E deveremos cozinhar sem grandes quantidades de óleo e preferir sempre o azeite. 

Verónica González Risco

Nutricionista

Blog 'Comer bien es divertido' (Comer bem é divertido)

Colaboradora de GuiaInfantil.com