Obesidade en Guiainfantil.com Brasil

Obesidade

Obesidade infantil. Criança com sobrepeso

A obesidade já atinge 10 por cento das crianças brasileiras, A obesidade infantil aumentou cinco vezes nos últimos 20 anos no Brasil e é uma das principais consequências de casos de diabetes e problemas cardiovasculares, além do aumento dos níveis de colesterol e triglicérides.

Tratamento da obesidade infantil

Basicamente consiste em mudanças de conduta, alimentar e física. O tratamento da obesidade infantil não é uma tarefa fácil, nem para os médicos, nem para a família, nem para as crianças, já que hoje em dia o tratamento se baseia na modificação dos estilos de vida, o que implica na alteração de seus hábitos alimentares e físicos.

Causas da obesidade infantil

Segundo os especialistas do tema, as mudanças alimentares e as novas formas de vida são as principais desencadeantes do aumento da obesidade. Ou seja, os critérios alimentares e a correria cotidiana dos pais são alguns dos fatores que contribuem para que as crianças apresentem sobrepeso.

Consequências da obesidade infantil

A obesidade infantil e suas consequências. Maus hábitos adquiridos durante a infância podem levar a criança a sofrer consequências preocupantes, principalmente para a sua saúde. O risco de desenvolver transtornos durante a adolescência é um exemplo claro do que pode suceder se a criança obesa não receber tratamento e atenção adequada à sua alimentação e forma de vida.

Prevenção da obesidade infantil

O hábito de selecionar bem os alimentos é importante para lutar contra a obesidade infantil. Hábitos alimentares saudáveis para as crianças.

Pés planos e obesidade infantil

O achatamento do arco plantar ou o pé plano vai influenciar na constituição das pernas, no alinhamento do quadril e na formação da coluna vertebral. Um desvio nos parâmetros naturais de formação e crescimento pode dar lugar a modificações dolorosas e lesões na idade adulta.

Não se devem oferecer medicamentos para as crianças emagrecerem

A Obesidade Infantil, as doenças cardiovasculares e o diabetes tem aumentado assustadoramente em todo o mundo. Devido a esse aumento, muitos pais, ao invés de optarem por mudar a dieta alimentar da criança estão dando aos seus filhos remédios emagrecedores.

As crianças também podem sofrer de colesterol alto

A obesidade infantil tem aumentado no mundo todo. Isso se deve, principalmente, à má alimentação. Cada vez mais crianças são afetadas e diagnosticadas com colesterol alto, o que pode trazer muitos problemas no futuro.

A criança que come muito

Enquanto a maioria das mamães se preocupa quando o seu filho não quer comer, um grupo, um pouco mais reduzido, é o que compõe as mamães cujos filhos são glutões. Os extremos são perigosos. Por um lado pode levar à desnutrição e por outro ao sobrepeso e obesidade.

Obesidade infantil. Um problema mundial

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a obesidade e o sobrepeso alcançaram números de epidemia mundial. As cifras assustam. Mais de 2,1 bilhões de pessoas adultas têm sobrepeso e dentre elas, pelo menos 600 milhões são obesas.

Obesidade em bebês

A obesidade é um transtorno não muito frequente em bebês antes dos seis meses, quando se alimentam exclusivamente com o leite materno ou leite de fórmula. No entanto, já é frequente encontrar bebês que sofrem de obesidade a partir desta idade.

Alimentação ideal para crianças com obesidade

A obesidade infantil é sem dúvida um dos principais problemas da atualidade e está afetando a um grande número de crianças. O que as crianças devem comer e em que quantidade para deixar de serem obesas e chegar ao seu peso ideal?

Os efeitos dos doces e balas no peso das crianças

A falta de tempo, o uso exagerado das novas tecnologias e a grande oferta de produtos manufaturados está mudando a dieta alimentar das crianças. Existe menos qualidade e mais rapidez na hora de comer. Segundo um especialista em dieta atlântica, o consumo de doces ou de bebidas açucaradas pode fazer com que as crianças aumentem uns quatro quilos de peso por ano.