Exercícios de Kegel para grávidas

Os exercícios de Kegel fortalece os músculos pélvicos das grávidas

Vilma Medina

Vilma Medina

Os exercícios de Kegel, também conhecidos de contração do músculo vaginal, foram criados pelo doutor Arnold Kegel para fortalecer os músculos do pavimento pélvico. Baseiam-se em contrair e relaxar o músculo do assoalho pélvico de forma repetida, com o objetivo de incrementar sua força e resistência, e assim prevenir ou evitar a incontinência urinária e outros problemas relacionados.

Os músculos pélvicos são os responsáveis pela sustentação da uretra, da bexiga, útero e o reto.

Beneficios dos exercícios de Kegel para grávidas

Exercícios Kegel para grávidas

Esses exercícios de Kegel estão recomendados para evitar e reduzir certos incômodos como a incontinência urinária durante a gravidez e o pós-parto, e também para facilitar o parto. Algumas gestações, devido ao peso do bebê sobre a bexiga, as mulheres podem experimentar, em algum momento, essa dolorosa experiência.

Os músculos do assoalho pélvico se enfraquecem e causam perda de urina ao realizar algum esforço e devem continuar depois do parto. Para que os exercícios sejam eficazes e seus efeitos sejam notados, você deve ser perseverante e praticá-los diariamente com um número de repetições regulares em cada série.

- Gravidez: o peso do útero descansa sobre esses músculos

- Parto: quando o bebê passa através do canal do parto

- Pós-parto: ao praticar precocemente abdominais, ou pular, praticar esportes ou carregar peso

- Esportes: em especial os que envolvem pulos e de impacto

- Menopausa: as mudanças hormonais podem provocar atrofia, hipotonia e perdas de flexibilidade nesses músculos

- Herança genética: duas de cada dez mulheres tem fraqueza herdada nos músculos do pavimento pélvico

- Hábitos cotidianos: algumas como o costume de reter a urina, vestir roupas apertadas, praticar ou tocar alguns instrumentos de sopro podem debilitar o pavimento pélvico

- Outras causas: obesidade, prisão de ventre, tosse crônica e stress

Vantagens dos exercícios para o assoalho pélvico na gravidez

Para prevenir esses problemas, é aconselhável praticar diariamente os exercícios de Kegel, que fortalecem os músculos da área pélvica e melhoram a função do esfíncter, com uma prática adequada de técnica, disciplina e muita regularidade. Fortalecer os músculos do pavimento pélvico durante a gravidez te ajudará a:

1- Prevenir ou evitar a incontinência urinária, que na gravidez pode ser agravada pelo peso do bebê sobre sua bexiga.

2- Reduzir la possibilidade de sofrer de hemorroidas durante a gravidez e depois do parto, porque esses exercícios ajudam a aumentar a circulação sanguínea na zona retal.

3- Evitar una episiotomía, com o fortalecimento da musculatura se reduz o risco de rasgos e facilita o parto.

4- Prevenir o risco de prolapso: ou queda da bexiga, útero ou outros órgãos da região, depois do bebê nascer.

5- Voltar rapidamente às atividades normais depois do parto, sem ficar com medo a incontinência quando rir, tossir, espirrar ou pular.

6- Melhorar o prazer sexual: os exercícios de Kegel melhoram o tono muscular das paredes vaginais e te ajudarão a voltar a uma vida sexual normal após o parto.

Melhora após o parto

Os exercícios de Kegel também estão indicados após o parto. São os primeiros exercícios que a mulher que acaba de dar à luz pode fazer por via natural. Se você praticar várias vezes por dia, poderá prevenir as perdas de urina após o parto e recuperar a força do pavimento pélvico.  Os resultados dos exercícios começam a ser notados a partir do segundo mês após o início deles.

Para saber se está fazendo bem os exercícios, você deve estar atenta às seguintes mudanças: notará que a vagina começa a se estreitar e que não perde urina ao fazer algum esforço como tossir ou rir.

O exercício físico durante a gravidez

O exercício físico durante a gravidez

Ginástica durante a gravidez. A prática de uma atividade física está recomendada para a maioria das mulheres grávidas. É fundamental durante a gestação, porque traz benefícios tanto para o bebê como para a mulher, controlando seu peso, melhorando seu condicionamento físico, e atuando positivamente no seu estado de ânimo, psicológico e social.

Benefícios e posturas do Yoga para a mulher grávida

Benefícios e posturas do Yoga para a mulher grávida

Benefícios e posturas do Yoga para a mulher grávida. Posturas e poses do Yoga para ajudar a mulher a levar uma gestação mais saudável. Exercícios físicos mais recomendados durante a gravidez. A prática do Yoga é uma das atividades que podem favorecer a gestação como o parto e pós-parto da mulher.

O uso de saltos altos durante a gravidez

O uso de saltos altos durante a gravidez

O uso de sapatos de salto alto, toda mulher sabe, levanta qualquer roupa. Mas, a grávida deve procurar outras opções durante a gestação e deixar esse ícone da beleza feminina para ocasiões especiais

Razões para se tentar o parto normal

Razões para se tentar o parto normal

Apresentamos algumas razões para se tentar o parto normal. Salvo algumas exceções, não se tem como saber se uma gestante vai ter um parto cesárea ou normal. Apenas durante a evolução do trabalho de parto é que se pode definir isso.

0 comentarios