Dormir menos de 5 horas afeta a memória das crianças e dos pais

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

A gente esquece as coisas quando dormimos pouco. Algo que a gente já suspeitava, mas que finalmente foi demonstrado mediante uma pesquisa científica. 

Ou seja, que essas ‘lacunas mentais’ que às vezes acontecem, podem ter algo a ver com a sua qualidade e quantidade de sono. Assim que se você se esqueceu aonde deixou as chaves, ou alguma coisa dentro do carro, você já sabe o que está acontecendo e qual é a solução. 

Os cientistas demonstram que dormir pouco nos torna mais esquecido

dormir-menos-de-5-horas-afeta-a-memória A 

Sem dúvida, o sono afeta diretamente o nosso estado de ânimo. Dormir pouco faz com que a gente desperte de mau humor. Também afeta a nossa forma física. Dormir pouco faz com que nos sintamos cansados. E também afeta ao cérebro. Dormir pouco faz com que nos esqueçamos das coisas com mais facilidade. A novidade é que os cientistas finalmente puderam demonstrar isso. 

O estudo foi realizado na Grã Bretanha (Universidade de Leeds) com adultos. Foram solicitados cinco exercícios de memória: 

1. Lembrar do que fizeram há pouco tempo. 

2. Lembrar a uma pessoa algo importante num breve período de tempo.

3. Lembrar aonde colocou um objeto. 

4. Fazer algo que deixou pendente. 

5. Escrever um texto para medir sua concentração.

Os resultados: aqueles que dormem menos de 5 horas por dia sofrem uma maior perda de memória. Especificamente, esquecem das coisas 25% a mais do que as que dormem mais de 5 horas por dia. De fato, foi demonstrado que a falta de sono das pessoas que dormiam pouco afetava a todos os campos de memória analisados. Mas, o mais prejudicado foi o primeiro: o de lembrar ou comprovar o que fizeram há pouco tempo. O segundo campo de memória mais afetado foi o de esquecer algo que tinham pendente para fazer. 

Como a falta de sono afeta a saúde das crianças e adultos

Dormir pouco e mal afeta a saúde e o estado de ânimo das pessoas. Em longo prazo pode estar relacionado com a demência. E muitos especialistas se atrevem a assegurar que a falta de sono produz infelicidade. Se você ainda não sabia, a falta de sono tem todos esses efeitos negativos (também em crianças): 

- Fadiga. Dormir menos de 72 horas afeta diretamente ao estado de saúde da pessoa. Não descansar o suficiente faz com que o corpo não tenha tempo para repor as energias gastas durante o dia

- Falta de concentração. Os especialistas recomendam dormir entre 7 e 8 horas ao dia (como mínimo) no caso dos adultos para ter níveis ótimos de concentração. No caso das crianças, e dependendo da idade, aumenta para 10 a 12 horas de sono.   

- Perda de memória. Finalmente fica demonstrado que dormir pouco afeta a memória. Se você quiser que o seu filho renda bem na escola, você deve assegurar-lhe de que o seu sono seja reparador. 

- Depressão. Em longo prazo, a falta de sono e a insônia podem desencadear uma depressão. 

- Alterações bruscas no estado de ânimo. Dormir pouco faz com que estejamos mais irritáveis. É difícil controlar o estado de ânimo diante de um estado de cansaço e fadiga crônica. 

Estefanía Esteban

Redatora de GuiaInfantil.com