Chupeta en Guiainfantil.com Brasil

Chupeta

Dificuldades das crianças com o estudo

Conseguir que os filhos se esforcem, concentrem-se e aprendam, e consigam realizar seus objetivos nos estudos, não é uma tarefa tão fácil nem para eles nem para seus pais. Para que as crianças tenham êxito nos estudos, basicamente é necessário que eles tenham capacidade intelectual para poder estudar, que sejam motivados, adquiram conhecimentos em seus estudos, e que saibam dominar hábitos de trabalho e estudo.

A motivação é o que mais pode colaborar na tarefa de educar as crianças

Educar a vontade dos filhos. Conseguir que nossos filhos sejam ordenados, estudiosos, alegres, sinceros, responsáveis e que sejam constantes no que seja possível, não exige esforços sobrenaturais. De uma forma simples, concreta e pessoal, pode-se motivar as crianças, desde a mais tenra idade, que aprendam e saibam o que queremos deles para eles.

A chupeta e a fala da criança

O uso da chupeta pode prejudicar a fala das crianças. É necessário estar atento quanto aos problemas que podem causar o uso descontrolado da chupeta. Está comprovado, através de muitos estudos, que a chupeta pode comprometer a dentição e favorecer a incidência de bactérias. Mas o problema pode ser que vá mais além, pois ao comprometer a dentição, consequentemente prejudicará a fala da criança.

O bom e o mau uso da chupeta

O uso da chupeta é bom ou ruim? A palavra chupeta em inglês quer dizer 'Pacifier', ou seja, pacificador, o que tranquiliza ou acalma. E é justamente com esse propósito que a maioria dos pais começam a introduzir a chupeta ao cotidiano dos bebês. O que não podemos ignorar é que todo o processo artificial que introduzimos para modificar o comportamento das crianças tem vantagens e desvantagens, sendo necessário conhecê-las antes de tomar a decisão de utilizá-las.

Como tirar a chupeta da criança

A criança deve deixar a chupeta antes de ingressar na escola. Normalmente, a chupeta deve ser tirada da criança antes que essa cumpra os dois anos de idade. Nessa idade, a criança já deverá ter um brinquedo para succionar.

A chupeta e a lactância

A relação entre o uso da chupeta e a amamentação. Segundo um estudo publicado pela Liga do Leite, uma organização internacional não governamental, sem fins lucrativos, que oferece informação e apoio às mães que desejam amamentar seus filhos, existe uma grande relação entre a sucção correta ou incorreta, o uso da chupeta e o êxito da lactância. A informação foi reunida na Suécia em 1987, quando e onde se estudaram oitenta e dois pares sadios de mães e bebês. Os autores concluíram que retirar o uso da chupeta, contribui para o êxito da lactância. 

Quando a criança não quer dizer adeus à chupeta

A chupeta reduz a ansiedade e o estresse, e evita que o pequeno adote o mau costume de colocar os dedos ou os punhos na boca, ainda que deva ser visto como um objeto passageiro e de consolo que deve ter um princípio e um fim na vida do bebê.

A chupeta: Uma faca de dois gumes!

Sobre a chupeta, já foram escritos rios de tinta: seu efeito tranqüilizador, o momento de introduzi-lo ou de tirá-lo e como fazê-lo, os inconvenientes do seu uso, se vale ou não a pena oferecê-lo ao seu bebê...

O bebê deve se esquecer da chupeta antes dos três anos

A chupeta tem a sua função e numerosos benefícios sobre a primeira etapa do desenvolvimento do bebê, já que, além de acalmá-lo, alguns estudos têm revelado que previne a morte súbita do lactente. Mas, os bebês devem deixar a chupeta antes dos três anos de idade.

Dicas para tirar a chupeta do seu bebê

O momento de tirar a chupeta é objeto de uma impressionante quantidade de truques por parte dos pais para convencer a criança que, a partir de determinado momento, já não iremos contar com ela (a chupeta). O êxito dessa difícil tarefa de tirar a chupeta reside em que nós mesmos não nos preparemos para isso e saibamos persuadir aos nossos filhos com a motivação necessária.

A chupeta ou o dedo para os bebês

Ttirar a chupeta de um bebê é algo que requer uma habilidade especial para que eles, que são muito espertos, não substituam a chupeta pelo dedo polegar, algo que é seu e que não podemos tirar.