Os cientistas descobrem as 5 chaves para que o seu filho seja muito inteligente

Vilma Medina
Vilma Medina Diretora de Guiainfantil.com

Talvez você pense que a inteligência tenha a ver com a genética... Ou em ter altos conhecimentos em física quântica, complexos sistemas informáticos ou uma enorme capacidade para memorizar. 

Os cientistas acabam de tornar público um estudo que surpreenderá a muitos. As chaves da inteligência não apenas tem a ver com o que a criança estuda. 

As 5 chaves da inteligência nas crianças segundo os cientistas

os-cientistas-descobrem-as-5-chaves-inteligência A 

Uma série de cientistas de Baltimore (Estados Unidos) pesquisa desde 1968 quais são as chaves para criar filhos mais inteligentes e com sucesso na vida. O estudo foi iniciado com Julian Stanley. Desde então, já foram analisadas milhares de crianças e agora adultos. Descobriram que não existia uma única razão pela qual uma criança conseguisse ser mais inteligente, a não ser 5 grandes razões que surpreendentemente nada têm a ver com os estudos. São essas: 

1 – O amor dos pais. As crianças que receberam mais carinho dos seus pais têm mais êxito quando crescem. Os cientistas demonstraram que o carinho dos pais estimula o cérebro das crianças no período pré-escolar (de 0 a 3 anos). Além disso, quanto maior for o vínculo que lhes une aos pequenos, mais forte será sua personalidade e autoestima. Isso lhes ajuda a crescer mais seguros de si mesmos e a tomar decisões com determinação. Evidentemente, existem pessoas que chegam a ter êxito apesar de famílias desequilibradas, mas são felizes? 

2 – Permitir que a criança enfrente tarefas complexas. Com frequência a gente tenta tornar-lhes a vida mais fácil. Evitamos que tenham que amarrar o cadarço do tênis comprando calçados com velcro; não lhes permitimos tirar os copos em cima da mesa, pois podem se quebrar... Há que deixar-lhes realizar tarefas cada vez mais complexas, porque isso influencia na conexão dos neurônios, a flexibilidade de pensamento e, é claro, na autoestima da criança

3 – Deixe que brinquem com videogames e adivinhações. Os videogames não são ruins. Com frequência incluem autênticos jogos de adivinhação para a mente. As crianças têm que aprender a resolver problemas e isso estimula o cérebro em busca de soluções. Melhoram a autoestima, a atenção e o planejamento. 

4 – Anime a criança para que toque um instrumento musical. A música tem maravilhosos benefícios para o cérebro e melhora o desenvolvimento intelectual. Determinadas melodias conseguem treinar de forma magistral os neurônios do cérebro. Além disso, tem muitos benefícios a nível emocional. 

5 – Ler livros. Essencial para o desenvolvimento da inteligência, da memória e da aquisição e enriquecimento da linguagem. Incentive o seu filho desde pequeno no mundo da leitura. 

Como dados curiosos... Você sabe quais personagens conhecidos fizeram parte desse estudo (entre muitos outros)?: Mark Zuckerberg (fundador do Facebook), Lady Gaga (cantora) e Terence Tao (famoso matemático). 

Fonte: Iflscience

Estefanía Esteban

Redatora de GuiaInfantil.com